A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Outubro de 2017

04/12/2014 15:14

Alta dos combustíveis pressiona e inflação chega a 0,55% em novembro

Priscilla Peres
Setor de transporte foi o que mais contribuiu para a alta da inflação em novembro. (Foto: Alcides Neto)Setor de transporte foi o que mais contribuiu para a alta da inflação em novembro. (Foto: Alcides Neto)

A inflação de Campo Grande foi de 0,55% em novembro, segundo levantamento do IPC/CG (Índice de Preços ao Consumidor de Campo Grande). O índice mais alto já era esperado pelos economistas devido ao fim de ano, época em que o consumo aumenta. No acumulado de 12 meses, a inflação na cidade chega a 6,45%, bem próximo ao teto da meta que é de 6,5% ao ano.

Em novembro, o grupo que mais contribuiu para a alta da inflação foi o Transportes (2,40%), devido ao aumento no preço dos combustíveis. A Alimentação (1,08%) e Habitação (0,04%), também tiveram altas consideráveis.

Os grupos que seguram a inflação foram Vestuário (-0,41%), Educação (-0,26%), Saúde (-0,20%) e Despesas Pessoais (-0,04%).

De acordo com a análise feita pelo Nepes (Núcleo de Pesquisas Econômicas) da Universidade Anhanguera-Uniderp, neste ano a inflação acumulada é de 5,78%. “Apesar do aumento no índice, seu valor foi um pouco menor do que o ocorrido em novembro de 2013, quando registramos 0,58%. Desse modo, a inflação acumulada em 12 meses na cidade recuou", analisa o coordenador, Celso Correia de Souza.

Segundo Celso, a tendência da inflação é continuar no patamar de alta, devido às compras de fim de ano. A carne bovina é um exeplo de produto que pode oferecer algum risco para a inflação, com o aumento de preços devido a alta demanda desse produto nas festas de final de ano.

Analisando os 11 meses do ano, a inflação acumulada ficou maior, resultando em 5,78%, ultrapassando o centro da meta inflacionária para 2014, que é de 4,5%, mas ainda abaixo do teto, que é de 6,5%. Nesse tempo, os maiores índices por grupos foram: Alimentação, com 9,67% e Educação, com 8,05%.

Mega-Sena deste sábado pode pagar prêmio de R$ 11,5 milhões
A Mega-Sena pode pagar hoje (21) R$ 11,5 milhões, prêmio do sorteio número 1.980, que será realizado às 20h (horário de Brasília). As apostas podem s...
Companhias serão investigadas por dizer que bagagem cobrada barateou passagens
O Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor determinou hoje (20) a abertura de processo administrativo contra a Associação Brasileira de Empres...
Mais de R$ 1 bilhão de abono salarial de 2015 ainda não foram sacados
Mais de R$ 1 bilhão referente ao abono salarial do PIS/Pasep ano-base 2015 ainda não foram sacados. Segundo o governo federal, o dinheiro pertence a ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions