A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 22 de Janeiro de 2019

27/10/2010 13:00

Calor faz consumo de energia disparar em MS

Redação

Mato Grosso do Sul aparece como um dos estados onde houve maior aumento acumulado no consumo de energia entre janeiro e setembro deste ano, conforme levantamento sobre o gasto de energia no País divulgado hoje pela EPE(Empresa de Pesquisa Energética).

Conforme os dados divulgados, o consumo nacional de energia elétrica no Sistema Interligado Nacional cresceu 9% de janeiro a setembro deste ano, comparativamente ao mesmo período de 2009, e atingiu 35.466 gigawatts-hora.

Em Mato Grosso do Sul, o crescimento alcançou 15% em setembro, comparado ao mesmo período do ano passado, para os consumidores residenciais, e 16% para os consumidores comerciais.

Na resenha mensal sobre o consumo de energia, a EPE atribui o crescimento maior que a média nacional em Mato Grosso do Sul às altas temperaturas registradas no Estado.

A EPE destaca que em Campo Grande, a temperatura média em setembro ficou 5 graus mais alta do que no mesmo período de 2009.

Previsões - As projeções da EPE indicam que o consumo nacional deverá fechar 2010 em torno dos 420 mil GWh, um crescimento acumulado de 8,1% sobre 2009, acima da previsão anterior de expansão acumulada de 7,7%.

Os dados constam da Resenha Mensal do Mercado de Energia Elétrica de setembro, que atribui a revisão da demanda à previsão de crescimento da economia para este ano (entre 7% e 7,5%) e à expectativa de sustentação da produção industrial.

Para o resultado acumulado do ano contribuiu significativamente o consumo residencial e comercial que, segundo a EPE, manteve "patamar elevado" de crescimento. A EPE também destacou o consumo industrial que "segue firme em sua trajetória de recuperação" pós-crise financeira internacional.

Dólar tem maior alta em 2 meses e fecha cotado a R$ 3,80
O dólar comercial fechou a terça-feira (22) em alta de 1,25%, maior valorização percentual diária em quase 2 meses. A moeda é cotada a R$ 3,806. A Bo...
Dólar fecha segunda-feira quase estável, cotado a R$ 3,75
O dólar comercial encerrou a segunda-feira (21) praticamente estável, com leve alta de 0,07%, cotado a R$ 3,759 para venda. A moeda norte-americana o...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions