ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, SÁBADO  04    CAMPO GRANDE 25º

Economia

Com 51,9% da exportação de tilápia, MS mantém liderança nacional

Em 2022, frigorífico de pescados deverá abrir as portas em Mato Grosso do Sul

Por Ana Paula Chuva | 20/10/2021 16:28
Frigorífico de pescados deve abrir as portas em MS no próximo ano (Foto: Edemir Rodrigues | Governo MS)
Frigorífico de pescados deve abrir as portas em MS no próximo ano (Foto: Edemir Rodrigues | Governo MS)

Responsável por 51,9% das exportações de tilápia no terceiro trimestre de 2021, Mato Grosso do Sul continua no topo do ranking nacional. Os dados são do MDIC(Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços).

No primeiro semestre deste ano o Estado foi responsável por 36, 74% do volume das exportações, totalizando US$ 2,077 milhões, segundo balanço divulgado pela Semagro (Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), em julho.

O levantamento divulgado pela secretária nesta quarta-feira (20), mostra que de julho a setembro o Estado exportou  o equivalente a R$ 1,814 milhão, mais da metade das exportações do país. Com isso, no acumulado ao ano são US$ 3,891 milhões em tilápia exportados.

Em segundo lugar no ranking, está o Paraná com participação de 32,2% na balança comercial e em seguida, a Bahia com apenas 13,3% do total exportado pelo país. Os Estados Unidos são os maiores compradores do produto com 92,4% de toda a exportação feita pelo Brasil. Seguido pelo Canadá, com participação de apenas 7,5%.

Ainda conforme a Semagro, em 2022, MS deverá ter a primeira indústria frigorífica de pescados que produzirá tilápia enlatada no Brasil. O empreendimento da Frescomares será construído em uma área de 73 hectares no município de Itaporã, a 225 km de Campo Grande, com investimento total de R$ 20 milhões e previsão de geração de 120 empregos por turno, sendo que, no auge da produção, a indústria deverá funcionar em 3 turnos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário