A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Fevereiro de 2020

21/01/2020 15:52

Com R$ 2 bi à vista, contratação de recursos do FCO começa no Estado

Como acontece todo início de ano, verba será dividida em 50% para área Rural e 50% para o FCO Empresarial

Rosana Siqueira
Projetos de sustentabilidade na pecuária tem espaço para obter recursos do FCO.  (Arquivo)Projetos de sustentabilidade na pecuária tem espaço para obter recursos do FCO. (Arquivo)

As contratações de cerca de R$ 2 bilhões do Fundo Constitucional do Centro-Oeste para este ano já começaram no Mato Grosso do Sul. O Estado tem previsto R$ 1,7 bilhão em recursos operacionalizados pelo Banco do Brasil, além de aproximadamente R$ 200 milhões que poderão ser financiados por bancos cooperativos (ação que depende de mudança de legislação federal para vigorar) e de cerca de R$ 100 milhões contratados via Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE). Mas para conseguir a "grana", é preciso investir em bons projetos e ter foco muito bem determinado.

O FCO é a principal fonte de financiamento do desenvolvimento do Estado, com foco no crescimento das micro e pequenas empresas e tem como objetivo reduzir as desigualdades e contribuir para o desenvolvimento dos municípios e estados do Centro-Oeste. "No Estado, o Fundo tem sido o principal agente de financiamento nos últimos anos, com grande participação das pequenas empresas que são parte ativa do desenvolvimento econômico estadual”, de acordo com o secretário da Semagro, Jaime Verruck. Este ano ele reforça que os recursos serão neste momento divididos em 50% para área rural e 50% Empresarial.

Entre as prioridades setoriais do Fundo estão a contratação para produções que agreguem valor à cadeia alimentícia, integração lavoura-pecuária no rural, investimento em tecnologia, biossegurança e turismo. Já nas prioridades espaciais, estão os municípios localizados na faixa de fronteira e de média renda.

O FCO rural pode ser contratado em duas modalidades, com taxa de juros pré e pós fixada. Apesar da possibilidade, 100% das operações do FCO rural em 2019 foram feitas com taxas pré-fixadas, que variam de 5,21% a 8% ao ano, conforme o porte da empresa e a linha contratada. No empresarial, a taxa de juros é pós-fixada.

Como buscarOs Fundos Constitucionais foram criados para implementar a política de desenvolvimento regional e reduzir as desigualdades entre as diferentes áreas do País. As operações de crédito possibilitam, em condições atrativas, o financiamento de projetos para abertura do próprio negócio, investimentos para expansão das atividades, aquisição de estoque e até para custeio de gastos gerais relacionados à administração – aluguel, folha de pagamento, despesas com água, energia e telefone. Para o setor rural, as taxas de juros são as mais baixas de mercado e contemplam agricultores familiares por meio do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf).

Para ter acesso ao financiamento, interessados devem procurar os bancos públicos operadores do crédito: o Banco do Brasil atende o Centro-Oeste.

 

Campo Grande News - Lista Vip WhatsApp
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions