ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  11    CAMPO GRANDE 29º

Economia

Dólar fecha a R$ 5,17 e bolsa passa dos 105 mil pontos pela 1ª vez desde março

Mercado reagiu à decisão de manter os juros básicos nos Estados Unidos numa faixa entre 0% e 0,25% ao ano

Por Gabriel Neris | 29/07/2020 18:12
Dólar comercial encerrou o dia com alta de 0,29% (Foto: Agência Brasil)
Dólar comercial encerrou o dia com alta de 0,29% (Foto: Agência Brasil)

O Ibovespa, principal índice da B3, bolsa de valores brasileira, fechou a quarta-feira (29) acima dos 105 mil pontos pela primeira vez desde março, enquanto o dólar comercial encerrou com alta de 0,29%, cotado a R$ 5,172.

A bolsa brasileira subiu 1,44%, atingindo os 105.605 pontos. O índice renovou a máxima de fechamento desde 4 de março, quando chegou aos 107.224 pontos.

O mercado reagiu à decisão do banco central americano de manter os juros básicos nos Estados Unidos numa faixa entre 0% e 0,25% ao ano. O mercado avalia que uma eventual redução juros zero aliviaria as pressões sobre o câmbio de países emergentes, como o Brasil.

Na próxima semana, o Copom (Comitê de Política Monetária) do Banco reúne-se para decidir o futuro da taxa Selic, os juros básicos da economia no Brasil, atualmente em 2,25% ao ano.