A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 17 de Agosto de 2019

10/07/2019 09:26

Em 9 dias, Prefeitura de Campo Grande arrecada R$ 2 milhões com Refis

O balanço foi divulgado nesta quarta-feira (10) pelo secretário municipal de Finanças, Pedro Pedrossian Neto

Anahi Zurutuza e Fernanda Palheta
Secretário Pedro Pedrossian Neto em entrevista (Foto: Marina Pacheco)Secretário Pedro Pedrossian Neto em entrevista (Foto: Marina Pacheco)

Nos primeiros nove dias, a Prefeitura de Campo Grande arrecadou pelo menos R$ 2 milhões com o PPI (Programa de Pagamento Incentivado), mais conhecido como Refis. O balanço foi divulgado nesta quarta-feira (10) pelo secretário municipal de Finanças, Pedro Pedrossian Neto.

A central de negociação, que funciona anexa à sede do Executivo municipal, recebe cerca de 900 contribuintes por dia e a arrecadação é próxima de R$ 300 mil por dia, segundo Pedrossian.

O secretário afirma que os R$ 2 milhões no cofre do município são “um pequeno alívio”, mas que o valor não é suficiente para impactar positivamente as contas.

Hoje, a Capital têm R$ 2 bilhões em impostos relacionados a imóveis para receber. Se contatos outros tributos, o crédito chega a R$ 3 bilhões.

Só com dívidas de IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) foram 193 mil imóveis na cidade.

A expectativa é arrecadar R$ 12 milhões com o Refis, que vai até dia 12 de agosto.

Condições - O Executivo municipal dá até 90% de desconto nos juros e multas para o pagamento das dívidas tributárias.

O débito pode também ser pago de foram parcelada. Quem optar por pagar em seis meses, terá 75% de desconto e 12 vezes, 30% de abatimento nos juros.

O Refis abrange todos os tributos cobrados pelo município – ISS (Imposto sobre Serviços), ITBI (Imposto sobre a Transmissão de Bens Móveis) e principalmente o IPTU

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions