A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

29/09/2010 15:33

FCO financia R$ 178,3 milhões para 32 projetos aprovados

Redação

O conselho do FCO (Fundo Constitucional de Investimento no Centro-Oeste) aprovou nesta quarta-feira (29) projetos de financiamento que somam R$ 178,3 milhões. Os investimentos devem beneficiar 23 municípios de Mato Grosso do Sul

Foram analisadas 42 cartas-consulta no valor de R$ 183,8 milhões. Dos projetos analisados, 32 foram aprovados, 7 permanecem para análise complementar e outros 3 foram indeferidos.

Dez projetos para implantação de florestas de eucalipto e seringueira se destacam entre os pedidos de financiamento. Ao todo eles absorvem mais de 70,2% do valor deliberado: R$ 129,2 milhões a serem aplicados em Ribas do Rio Pardo, Paranaíba, Paranhos, Brasilândia, Água Clara, Cassilândia, Figueirão e Chapadão do Sul. Um único projeto para implantação de florestas de eucalipto em Ribas soma R$ 101,1 milhões.

Entre os grandes investimentos em termos de volume de recursos se destacam dois projetos: um para ampliação das instalações de uma empresa eletro-metalúrgica e hidráulica em Campo Grande, com investimento de R$ 35,8 milhões e outro para ampliação de unidade de fiação de algodão em Naviraí, no valor de R$ 6,1 milhões.

O setor do agronegócio se manteve na frente entre os projetos aprovados, com 12 cartas-consulta para recuperação de pastagens, retenção e aquisição de matrizes e aquisição de máquinas e equipamentos, que somam R$ 4,5 milhões. Já o segmento de comércio e serviços teve deliberados 8 projetos que financiam R$ 2,6 milhões para implantação, ampliação e modernização em diversas atividades.

De acordo com o superintendente de Agropecuária da Seprotur e Secretário Executivo do Conselho Estadual do Fundo (CEIF/FCO), Jerônimo Alves Chaves, Mato Grosso do Sul deve contratar até o fim do ano cerca de R$ 1 bilhão. "Só nos oito primeiros meses do ano os projetos somaram R$ 642 milhões. O Fundo ainda tem recursos disponíveis para atender as demandas que estão em análise e elaboração de projetos, além de novos pedidos, já que a entrada de recursos é contínua", explica

Entre os municípios atendidos com financiamentos estão: Campo Grande, Três Lagoas, Naviraí, Ponta Porã, Caarapó, São Gabriel do Oeste, Porto Murtinho, Brasilândia, Ribas do Rio Pardo, Nova Andradina, Bodoquena, Paranaíba, Paranhos, Anaurilândia, Corumbá, Anastácio, Água Clara, Cassilândia, Aral Moreira, Rio Verde de Mato Grosso, Dourados, Figueirão e Chapadão do Sul.

Procon da Capital abre campanha para orientar comércio e consumidor no Natal
O Procon (Subsecretaria de Proteção e Defesa do Consumidor) de Campo Grande dá início nesta segunda-feira (18) a uma semana de orientação e atendimen...
Os limites do “desculpe, seu score está baixo”
Imagine a seguinte situação. Você está navegando em uma grande loja de comércio eletrônico e escolhe um novo celular para compra. Na hora do pagament...
Confaz aprova incentivos fiscais concedidos pelo Governo de MS
O Confaz (Conselho Nacional de Política Fazendária) aprovou a convalidação de todos os incentivos fiscais concedidos pelo Governo do Estado em Mato G...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions