A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 17 de Novembro de 2018

15/10/2018 14:04

Pesquisa aponta variação de até 770% em preços de exames laboratoriais

O levantamento foi feito em seis laboratórios, entre os dias 2 e 10 de outubro, em seis laboratórios

Anahi Zurutuza
Técnica separa tubetes com sangue coletado para exames em laboratório de Campo Grande (Foto: Fernando Antunes/Arquivo) Técnica separa tubetes com sangue coletado para exames em laboratório de Campo Grande (Foto: Fernando Antunes/Arquivo)

Pesquisa do Procon-MS (Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor) em Campo Grande detectou diferenças de até 770,97 % nos valor cobrado por serviços prestados em laboratórios de análises clínicas.

A diferença mais expressiva dentre os 63 itens pesquisados está no exame para medir a “atividade da proteína C”. Enquanto um laboratório cobra R$ 278,71, outro cobra R$ 12,00. Também a análise clínica para medir o “colesterol HDL” custa de R$ 5 a R$ 40,32 na Capital. Veja mais detalhes no arquivo do Procon:

Ainda segundo o Procon, o levantamento foi feito em seis laboratórios, entre os dias 2 e 10 de outubro, e foi motivado por denúncias de consumidores que ficaram surpresos com a diferença nos preços dos exames.

As equipes visitaram os laboratórios Sabin – Medicina Diagnóstica, Labclin – Laboratório de Análises Clinicas, Laboratório Bioclínico, Laboratório Bio Diagnostic, Laboratório Célula e Laboratório Multilab.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions