A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

02/12/2013 20:14

Turismo em Corumbá está sendo reforçado pelas bases, diz prefeito

Vinícius Squinelo

Apontada como cidade de maior evolução no Índice de Competitividade do Turismo no Brasil, entre as não capitais, Corumbá investe hoje em infraestrutura, mobilidade e diversificação, com objetivo confirmar o status de um dos maiores destinos dos turistas no Brasil. Pelo menos esta é a visão do prefeito Paulo Duarte (PT), que assumiu este ano a gestão do município e apontou o setor como uma das prioridades na administração.

Corumbá, distante 419 quilômetros de Campo Grande, foi apontada pelo ministro do Turismo, Gastão Vieira, como o principal polo turístico da região Centro-Oeste.

“Tenho dito que o caminho que vai melhorar a qualidade de vida e a geração de renda da cidade é o turismo”, afirmou Paulo Duarte. “Temos na mão um diamante a ser dilapidado, que é Corumbá, e estamos trabalhando para isso”, garantiu.

Diferente de anos anteriores, Corumbá não viveu uma baixa temporada em novembro, mês de início da piracema em Mato Grosso do Sul. Eventos como o Pantanal Extremo, Moinho Cultural e uma feira agropecuária internacional, todas com apoio da administração pública, ajudaram a manter o movimento da cidade em alta, e os hotéis cheios.

São diversas linhas de investimento no município, todas voltadas para a “base”, a infraestrutura já existente em Corumbá.

O portal de entrada da cidade e a rodoviária, por exemplo, passam por reformas, para dar uma nova “cara” à cidade, em especial para quem chega no município pela primeira vez.

“Estamos investimento muito na recuperação do patrimônio histórico, além do turismo ecológico, cultural e contemplativo, para não ficarmos apenas reféns do turismo da pesca”, explicou Duarte.
Ainda segundo a prefeitura, a pesquisa mostra que a cidade, que inclusive criou recentemente um Conselho Municipal de Turismo, está no caminho certo.

“Nosso objetivo é que Corumbá se torne referência no turismo”, emendou Paulo Duarte.

Corumbá deve voltar a ter cinema, através de convênio entre a administração pública e o Sesc, além de buscar integração com a Bolívia, visando que cada país mostre o que tem de melhor aos turistas.

Pesquisa – No índice geral, a Cidade Branca teve evolução de 9,1 pontos, de 48,6 para 57,7 pontos. É a maior evolução entre as não capitais.

“Corumbá é hoje um polo de desenvolvimento da região Centro-Oeste principalmente pela infraestrutura geral (75,2), o que se deve, em parte, ao serviço público de atendimento médico em emergências 24 horas, e pelos atrativos turísticos (69,2), o que se deve à conservação ambiental de seus recursos, especialmente no Pantanal”, ressalta o ministério, em nota sobre a divulgação da 5ª Edição do Índice de Competitividade do Turismo Nacional, ferramenta desenvolvida em conjunto com o Sebrae e Fundação Getúlio Vargas.

Corumbá teve evolução expressiva em 12 meses no quesito políticas públicas, com salto de 18,8 pontos, de 43,6 para 62,4 pontos. Na parte de monitoramento, a evolução foi ainda maior, de 34,8, de 12,7 para 47,7. Já no quesito aspectos culturais, o aumento foi de 14,7 pontos, de 44,4 para 59,1.

Procon da Capital abre campanha para orientar comércio e consumidor no Natal
O Procon (Subsecretaria de Proteção e Defesa do Consumidor) de Campo Grande dá início nesta segunda-feira (18) a uma semana de orientação e atendimen...
Os limites do “desculpe, seu score está baixo”
Imagine a seguinte situação. Você está navegando em uma grande loja de comércio eletrônico e escolhe um novo celular para compra. Na hora do pagament...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions