ACOMPANHE-NOS    
MARÇO, QUINTA  04    CAMPO GRANDE 25º

Enquetes

Mais de 70% dizem não estar tomando medicação preventiva contra covid-19

Consulta do Campo Grande News ao leitor mostrou que 29% dos que responderam apelaram algum tipo de remédio

Por Liniker Ribeiro | 21/08/2020 07:27


Lilian foi à procura de medicamento homeopático para reforçar imunidade. (Foto: Marcos Maluf)
Lilian foi à procura de medicamento homeopático para reforçar imunidade. (Foto: Marcos Maluf)

Apesar do "kit covid" ter sido defendido por muitos, semanas atrás, e da cloroquina já ter motivado grandes discussões entre os brasileiros, mais de 70% dos participantes da enquete lançada pelo Campo Grande News afirmam nunca ter tomado medicamentos na tentativa de prevenir a covid-19, que só no Mato Grosso do Sul já contaminou mais de 40 mil pessoas e provocou a morte de 686 vítimas.

O questionamento feito aos leitores, na quinta-feira (20), teve 71% das respostas negativas. E, pelas ruas, realmente é difícil encontrar alguém que assuma já ter tomado algo, principalmente a famosa cloroquina, medicação defendida por muitos, e que já teve apoio até do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

"Nunca tomei nada. Já ouvi dizer sobre o 'kit covid', cheguei a procurar por ele nos postos, mas nunca encontrei. Não tenho condições de comprar, então não tomei nenhum medicamento", afirma a doméstica Berlamina Rodrigues dos Santos, de 55 anos.

O mesmo afirma a design Lilian dos Santos, de 40 anos. "Nunca tomamos nada em casa, tenho duas filhas gêmeas, de 11 anos, que uma tem asma e a outra bronquite. Então a gente se cuida muito, não sai para nada", comenta.

Apesar disso, agora Lilian, o esposo e as filhas vão tentar se prevenir. Na tarde de ontem, ela procurou o medicamento homeopático oferecido de graça na Rede Pública de Saúde de Campo Grande. Ela fez a busca na unidade de distribuição montada no Parque Ayrton Senna, no Bairro Aero Rancho.

Quem também garante nunca ter tomado nada é o vigilante Jairo Batista. "Não tomei e não pretendo. Acredito que os cuidados básicos com a higiene e seguindo as orientações de prevenção a gente consegue se proteger.

Polo de atendimento para quem sintomas de covid-19 em Campo Grande. (Foto: Marcos Maluf)
Polo de atendimento para quem sintomas de covid-19 em Campo Grande. (Foto: Marcos Maluf)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário