A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 14 de Dezembro de 2018

08/06/2017 10:20

Máquinas da Copa Truck entram em cena hoje à tarde em Campo Grande

Paulo Nonato de Souza
A estreia do experiente piloto Felipe Giaffone é uma das atrações deste domingo na Copa Truck em Campo Grande (Copa Truck/Divulgação)A estreia do experiente piloto Felipe Giaffone é uma das atrações deste domingo na Copa Truck em Campo Grande (Copa Truck/Divulgação)

Os caminhões da Copa Truck Regional Centro-Oeste entram em cena na tarde desta quinta-feira no Autódromo Internacional de Campo Grande. Serão duas sessões de treinos livres, das 13h às 16h15, com promessa de muita disputa entre os 20 pilotos que vão formar o grid da decisão em rodada dupla da primeira das três competições do calendário. No domingo, 11, serão duas largadas: Corrida 1, às 10h08 (MS), e a Corrida 2, às 10h46, com duração de 25 minutos cada.

A rodada dupla definirá os campeões de pilotos e de montadoras, e reserva algumas estreias que deverão esquentar ainda mais o clima de decisão. Na Mercedes-Benz, entram em ação os experientes pilotos André Marques e Wellington Cirino.

“A Copa Truck está trazendo um novo conceito de automobilismo. Não tenho dúvida de que rapidamente se transformará num belíssimo sucesso”, disse Marques, que vai usar o shakedown (teste de pista) desta quinta-feira para desenferrujar do longo período de inatividade, pois não corre desde o final do ano passado, a não ser de kart.

Outro estreante na pista em Campo Grande será o paulista Felipe Giaffone, que apenas acompanhou a abertura do calendário em Goiânia. Um dos cinco representantes da equipe Volkswagen, Giaffone admite que considera a possibilidade de ajudar a companheira Débora Rodrigues, que ocupa a terceira colocação com 38 pontos, apenas três atrás do líder Roberval Andrade, da Iveco.

Como e onde acompanhar a Copa Truck neste final de semana no autódromo de Campo Grande (Arte: Copa Truck/Divulgação)Como e onde acompanhar a Copa Truck neste final de semana no autódromo de Campo Grande (Arte: Copa Truck/Divulgação)

“Vou ter de analisar direitinho, porque levamos os pontos para a contagem final do ano e tenho de pensar também em mim. E há também o torneio de marcas, que não é menos importante. A Volkswagen está em segundo com boas chances de ser campeã”, comentou Felipe Giaffone, ex-piloto da Fórmula Indy, que atualmente integra a RM Motorsport, uma das equipes mais estruturadas da Copa Truck. Seus companheiros, além de Débora Rodrigues, são os pilotos Renato Martins, David Muffato e Adalberto Jardim.

Depois da abertura da Copa em Goiânia, onde largou na pole e venceu a Corrida 1, Roberval Andrade assumiu a liderança da classificação de pilotos com 41 pontos, mas está sendo fortemente pressionado por Regis Boessio (40), Beto Monteiro (ganhador da corrida 2) e Débora Rodrigues (38). Um pouco mais atrás, Fábio Fogaça e Luiz Lopes, com 29, também podem sonhar com o título, mas os 51 pontos em jogo colocam praticamente todos na disputa.

Entre as marcas, a Iveco está na ponta da tabela com 86 pontos, contra 74 da Volkswagen/Man, 46 da Scania, 41 da Volvo e 38 da Ford. Também neste caso, como são computados os dois melhores resultados por prova de cada montadora, tudo está em aberto. A novidade na capital do Mato Grosso do Sul será a presença da Mercedes-Benz, elevando o grid da categoria para 20 trucks.

Os ingressos estão à venda e podem ser encontrados nos postos Locatelli credenciados espalhados pela cidade com duas opções: R$ 110 com direito a visitação aos boxes, e R$ 35, ambas oferecem possibilidade de meia-entrada. As bilheterias do autódromo funcionarão apenas sábado e domingo, quando os portões serão abertos a partir das 7 horas.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions