ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SEGUNDA  17    CAMPO GRANDE 28º

Esportes

Motocross é programa para famílias e apaixonados por velocidade na Capital

Campo Grande sedia 3ª rodada do Brasileirão no Parque Jacques da Luz, com entrada gratuita

Por Fernanda Palheta e Jéssica Fernandes | 05/05/2024 15:58
Motociclistas cruzam linha de chegada do circuito de Motocross no Parque Jacques da Luz (Foto: Osmar Veiga)
Motociclistas cruzam linha de chegada do circuito de Motocross no Parque Jacques da Luz (Foto: Osmar Veiga)

A terceira rodada do Campeonato Brasileiro de Motocross, realizado no Parque Jacques da Luz, nas Moreninhas, é o programa de domingo de diversas famílias campo-grandenses e apaixonados por velocidade de todo o país. Esta é a segunda vez em que a pista da Capital entra no circuito nacional, após reformulação no trajeto de 1.700 metros em 2023.

Com evento aberto ao público e entrada gratuita, a arquibancada ficou lotada durante as provas das categorias YZ 125, MX5 e 50cc na tarde hoje (5). Teve até quem levou a própria cadeira e o tereré para acompanhar as disputas. Idealizador do evento, Firmo Alves, aponta que o objetivo do campeonato é proporcionar o lazer e o entretenimento pra população local.

Ao lado da esposa e três filhas pequenas, o morador do bairro Moreninhas, Carlos Alexandre, de 24 anos, conta que acompanhou a competição pela primeira vez no ano passado e retornou neste final de semana para prestigiar o evento novamente. “Eu acho muito legal. É um entretenimento a mais para as Moreninhas”, afirmou.

Já Edemar Luis Cordeiro, de 46 anos, é de Curitiba, no Paraná, trabalha com venda de acessórios para a competição e viaja pelo Brasil acompanhando as provas de velocidade. “Na verdade, nós vivemos isso no dia a dia e fora também daqui. Fora do trabalho, a gente sempre está nas pistas, andando e vivendo isso”, relatou.

De Campo Grande, ele e a família seguirá para Palmas, no Tocantins, onde acontecerá a próxima etapa. “O que mais gosto é companheirismo, a família vem junto”, completou.

O presidente da confederação brasileira de Motocross, Gustavo Jacob, busca apresentar o esporte para quem não conhece. “É muito fácil você gostar, se apaixonar. Então quem nunca viu, vê e se encanta de cara”, garantiu.

Motociclista faz manobra no ar na pistas do Parque Jacques da Luz, em Campo Grande(Foto: Osmar Veiga)
Motociclista faz manobra no ar na pistas do Parque Jacques da Luz, em Campo Grande(Foto: Osmar Veiga)

Ele ainda aponta que entrar no mapa da competição nacional irá fomentar o esporte. “Já existem muitos pilotos daqui, né, do Mato Grosso do Sul andando. Uma pista dessa eu acho que vai trazer mais oportunidade ainda e criar novos talentos”, disse Jacob.

Aos 16 anos Bernardo Eto Tiburcio, compete na categoria MX2. “Aqui em Campo Grande tá sendo muito bom, a pista tá muito divertida e difícil. Já acabou a primeira corrida aqui, consegui a segunda posição”, relatou. A paixão pelo esporte começou na família. “O meu início foi através do meu pai, que já vinha andando. E aí eu tomei gosto e só fui gostando ainda mais”.

Considerada uma das melhores pistas da temporada, a pista possui bastante relevo com subidas e descidas, possibilitando saltos longos e duplos, triplos, entre outras manobras. A organização do evento espera que mais 5 mil pessoas acompanhem a disputa dos 400 pilotos que correm em Campo Grande.

Arquibancada lotada na terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross em Campo Grande(Foto: Osmar Veiga)
Arquibancada lotada na terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross em Campo Grande(Foto: Osmar Veiga)

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias