A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

13/09/2010 13:37

Prova de Stock Car é "briga" por Super Final

Redação

Com 21 dos 34 pilotos disputando "no braço" as vagas para a Super Final, a prova de Campo Grande da Stock Car deve ser marcada por disputas intensas desde os primeiros treinos livres, que começam na sexta-feira (17 de setembro).

O equilíbrio da temporada 2010 também ajuda a criar um clima de incertezas para a prova de Campo Grande. Com sete corridas já realizadas, seis pilotos diferentes levantaram o caneco no ponto mais alto do podium. Ricardo Maurício, da Eurofarma RC (Chevrolet), é o único com duas vitórias da temporada.

Restam apenas quatros vagas para a Super Final, que funciona assim: Ao fim das primeiras 8 corridas, os 10 primeiros pilotos se classificam para receberem uma pontuação extra nas 4 últimas corridas, que será somada a pontuação do campeonato. O piloto da Super Final com a maior quantidade de pontos é o campeão.

Fazendo uma projeção (sem contar os recursos), seis pilotos já estão assegurados na Super Final, enquanto outros 15 lutarão pelas quatro vagas restantes. São eles Átila Abreu, da AMG Motorsport (Chevrolet), com 110 pontos; Ricardo Maurício, da Eurofarma RC (Chevrolet), com 96; Cacá Bueno, da Red Bull (Peugeot), com 75; Max Wilson, da Eurofarma RC (Chevrolet); Nonô Figueiredo, da Cosan Mobil (Chevrolet), com 66; e Daniel Serra, da Red Bull (Peugeot), com 63.

Entre os que disputam uma dessas 10 vagas está Thiago Camilo (Vogel Motorsport), que está justamente na 10ª colocação este ano e foi o vencedor na corrida de 2009. No ano passado, o piloto chegou a Campo Grande em 11º lugar, com 43 pontos.

O detalhe é que até ali Camilo já largara quatro vezes na primeira fila (segundo em Interlagos duas vezes, segundo em Santa Cruz do Sul e pole position em Salvador) e não completara nenhuma das quatro corridas. O autódromo de Campo Grande marcou a derrubada deste "tabu".

Este é um dos motivos que fazem o piloto ter bons motivos para correr no circuito de Campo Grande. "Além de ser uma pista que eu gosto e onde minha equipe costuma conseguir um bom acerto, ano passado me deu sorte, porque foi a primeira vez que larguei na primeira fila e completei a corrida, e justamente quando eu mais precisava. Foi uma vitória muito especial", explica.

Ingressos

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions