A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


20/07/2012 06:00

Espanta eleitor

Jogo Aberto

Volta, calor

O frio tem afugentado eleitores das reuniões promovidas por políticos em Campo Grande. Pudera. Com todas as restrições impostas pela lei eleitoral em relação à proibição de comida e bebida, os candidatos estão enfrentando dificuldades para atrair gente interessada em ouvir propostas eleitorais.

Reconhecimento

Durante evento esta semana no hospital São Julião, o governador André Puccinelli, brincou com a Irmã Sílvia Vecellio sobre sua importância para a obra. Disse que ela está "proibida de morrer" nos próximos 50 anos.

Mudança de domicílio

Assessor que é assessor muda até de local de votação, só para prestigiar o parlamentar para quem trabalha. Pelo menos é assim que está acontecendo em alguns casos na Assembleia Legislativa, com assessores que foram para a campanha transferindo o título para garantir o voto no chefe no dia 7 de outubro.

Evolução

De 2010 - quando foi candidato ao governo do Estado, e perdeu para André Puccinelli - para 2012, quando está disputando uma vaga de vereador em Campo Grande, o patrimônio do ex-governador Zeca do PT deu uma engordada de pouco mais de 20%.

Quanto

De lá para cá, o valor declarado à Justiça Eleitoral cresceu de R$ 2,2 milhões para R$ 2,7 milhões.

Antídoto

A Justiça Eleitoral no Rio de Janeiro está traçando uma estratégia para impedir que se repita a eleição de chefes de milícias, acusados de vários crimes. O detalhe é que dois dos que conseguiram isso em eleições passadas hoje estão presos em Campo Grande, no presídio federal de segurança máxima.

Quem são

Os dois milicianos que conseguiram formar redutos suficientes para se eleger e hoje cumprem pena em Campo Grande são Natalino Guimarães, ex-deputado estadual, e Jerônimo Guimarães, o Jerominho, ex-vereador.

Pelo rio

Contrato firmado pela Vale com a recém criada Hidrovias do Brasil, empresa criada para explorar o transporte fluvial, prevê o escoamento de mais de 3 milhões de toneladas anualmente, saídas de Corumbá.

Dessa vez vai?

O investimento é considerado pelo setor um grande passo para ampliar o uso da hidrovia do rio Paraguai. Hoje, o transporte fluvial, que já foi bastante intenso na região no passado, só responde por 11% da movimentação de cargas no País.

Reinaldo apoia crescimento dos evangélicos
Decisão divina - Palestrante principal do Fórum Evangélico realizado nesta segunda-feira em Campo Grande, a cantora e pastora Damares Alves disse que...
2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...
Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...
MS também tem "bunker" cheio de dinheiro
Versão tupiniquim - O “bunker”de Geddel Vieira, que escondeu R$ 51 milhões de propina, tem versão pantaneira. Paredes de apartamento de um político e...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions