A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


08/08/2012 06:00

Mais do mesmo

Jogo Aberto

Apoio suspeito

Mesmo com todas as campanhas, eleitores e candidatos continuam seguindo a lógica do toma-lá-dá-cá. Em Campo Grande, grudar no vidro do traseiro do carro aqueles adesivos enormes de candidato está valendo vinte litros de gasolina por semana. Por mês, são 80 litros, ou seja, praticamente dois tanques cheios de um carro popular.

Fica a dica

Só para lembrar, a candidatos e eleitores, aceitar gasolina em troca de "apoio" é crime eleitoral.

Cassems

Considerada exemplo entre os planos de saúde que atendem servidores, a Cassems está em vias de "exportar" seu know how. Na semana passada, o presidente, Ricardo Ayache, se reuniu com o governador do Mato Grosso, como parte das negociações para levar a Cassems para o estado vizinho.

Enredo conhecido

Lá, os servidores estaduais vivem uma situação que em MS já ficou no passado, mas que o funcionalismo lembra bem, dos tempos em que o antigo Previsul era mais problema do que solução para quem precisava de atendimento médico

Prioridade geral

O deputado estadual Paulo Duarte (PT), candidato à Prefeitura de Corumbá, comentou que, durante o recesso parlamentar, intensificou as atividades de campanha e traçou como prioridade um reclame comum em todo País: a saúde.

Termômetro

Duarte comentou que tem realizado caminhadas em dois bairros por dia e se definiu satisfeito com a receptividade da população. De acordo com ele, um dos focos para a administração que pretende fazer está a execução de 100% de asfalto na cidade.

Dedicação exclusiva

A partir do mês que vem, Duarte deve se licenciar da Assembleia para a reta final da campanha, como confirmou ontem.

Pauta

Servidores administrativos da Educação foram à Assembleia Legislativa cobrar que o governador André Puccinelli (PMDB) agende encontro com a categoria para discutir a reestruturação da carreira. A cobrança ocorre porque Puccinelli prometeu, publicamente, reunir-se com os servidores em 2 de julho, o que não ocorreu.

Pegadinha

O deputado Pedro Kemp (PT), que ocupou a tribuna para falar do assunto, afirmou que foi informado que o governador teria dito a funcionários do administrativo que, na verdade, referiu-se “a partir de 2 de julho”.

Mudança

Projeto de Emenda Constitucional, de autoria do Governo do Estado, pretende integrar a carreira de Delegado de Polícia às carreias jurídicas em MS. A proposta, que chegou à sessão de terça (7) na Assembleia, deve alterar a redação do artigo 41 da Constituição Estadual. O tema será tratado por uma comissão especial de deputados.

Já tem gente curtindo a folga de fim de ano
Fim de expediente - Enquanto o recesso parlamentar terá início no próximo fim de semana, quando algumas prefeituras também suspendem as atividades pa...
A missão espinhosa de Marun
Casa cheia - No discurso em que saudou Carlos Marun como seu novo ministro da Secretaria de Governo, Michel Temer disse ter ficado preocupado com a p...
Só praças estão presos por cobrar propina
Só praças – A investigação sobre o envolvimento de policiais militares com a “Máfia do Cigarro” indica que, por ora, não há oficiais entre os policia...
Pezão pede dica a Reinaldo sobre dívida
Pedido de ajuda - Ao anunciar ontem o depósito do décimo-terceiro salário dos servidores, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) reforçou o discurso d...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions