A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


06/07/2012 06:00

Sindicalismo eleitoral

Jogo Aberto
Puccineli em meio aos manifestantes no Tribunal Regional Eleitoral. (Foto: Rodrigo Pazinato)Puccineli em meio aos manifestantes no Tribunal Regional Eleitoral. (Foto: Rodrigo Pazinato)

Estratégia de sucesso

No meio do tumulto do registro de candidaturas no Tribunal Regional Eleitoral em Campo Grande, as camisetas pretas usadas pelos servidores da Justiça Eleitoral se destacaram, não só pelo número de funcionários que lá estavam protestando.

Veste a camisa, vai

Além de aparecerem nas fotos e nas imagens e de fazer muito barulho, os manifestantes conseguiram que candidatos e autoridades vestissem a camiseta. O governador André Puccinelli não chegou a vestir, mas fez foto junto com o grupo e prometeu até apoio à luta por reajuste da classe.

Futurologia

Puccinelli definiu ontem como futurologia qualquer previsão sobre as eleições para prefeito de Campo Grande. Perguntado sobre a possibilidade de a disputa terminar no primeiro turno, ele disse que este é um exercício mais difícil do que prever se o Corinthians ganharia do Boca Juniors.

Comentarista

Por falar nisso, Puccinelli disse que torceu para o Corinthians e que o time fez por merecer. “Somos brasileiros e contra os argentinos temos que torcer, mesmo sendo o Corinthians”, brincou.

Suor

O governador prometeu empenho e “muito suor” durante a eleição em Campo Grande, que terá sete candidatos ao todo. “Nos períodos que eu tiver vago vou ajudar o Giroto”, comentou, voltando a reafirmar que só pedirá votos após o expediente.

Oferta

O cacique do PMDB no Estado voltou a confirmar que propôs aliança com Alcides Bernal, candidato do PP à Prefeitura. André diz que ofereceu a vice e também participação administrativa. “Sabia que ele não iria se coligar desde o início da semana”.

Não meto a colher

“Não teço comentários sobre problemas de outros partidos. Não gosto que metam o bedelho na minha casa e não gosto de meter no bedelho na casa dos outros”, disse Puccinelli ao responder se a crise no PT favoreceria a candidatura de Edson Giroto.

Sessão relâmpago

A sessão da Assembleia Legislativa na quinta (5), às vésperas do início do período eleitoral, foi relâmpago e durou aproximadamente meia hora.

Esvaziada

Presidida pelo deputado Maurício Picarelli (PMDB), a sessão foi aberta, mas não teve ordem do dia, tampouco votações pela falta de quorum.

Compasso de espera

O prefeito de Campo Grande justificou ontem porque ainda não está pronto o calendário de inaugurações do aniversário de 113 anos de Campo Grande. Disse que está esperando a Justiça Eleitoral definir o que pode e o que não pode.

Pronto, falei

Ao registrar sua candidatura ontem, o candidato Marcelo Bluma fez discurso pela ética. Disse que o eleitor está cansado de políticos que fazem de tudo. "Que dormem com um candidato e acordam com outro".

2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...
Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...
MS também tem "bunker" cheio de dinheiro
Versão tupiniquim - O “bunker”de Geddel Vieira, que escondeu R$ 51 milhões de propina, tem versão pantaneira. Paredes de apartamento de um político e...
Secretário torce e comemora venda da folha
Torcida - Parecia um jogo valendo título a forma como o secretário de Finanças e Planejamento de Campo Grande, Pedro Pedrossian Neto, acompanhava a a...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions