A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017


  • Jogo Aberto
  • Jogo Aberto

    jogoaberto@campograndenews.com.br


24/09/2012 06:00

Sobre o segundo turno

Jogo Aberto

Nem pensar

O candidato do PT à Prefeitura, Vander Loubet, não quis nem saber de conversa ao ser perguntado se achava possível seu partido se aliar com o PMDB no segundo turno das eleições.

Eu que vou

“Não vamos discutir isso. Não tem essa hipótese. Estamos confiantes no segundo turno porque esta é uma campanha aberta”, afirmou ao ser perguntado.

Repercussão

A pergunta foi feita a Vander porque, na sexta (21), durante visita em Campo Grande, o vice-presidente da República, Michel Temer, disse acreditar na união entre os partidos rivais num segundo turno na disputa à Prefeitura.

Explicação

A confiança do petista está motivada, segundo ele, nas pesquisas internas do partido, que mostram o crescimento da candidatura nos últimos dias. “O PT é muito forte na chegada”, discursou.

Outro lado

Já Edson Giroto, candidato do PMDB, disse confiar que ainda pode vencer no primeiro turno. Segundo ele, o eleitor deixou para escolher quem tem as melhores propostas e “não discursos vazios” na reta final.

Crítica

“Tem candidato que só fala que vai planejar, mas não diz o que é planejamento. É um discurso vazio. Não adianta criticar se não tem proposta”, disparou o peemedebista.

Prejuízo

Para Reinaldo Azambuja, a reta final da campanha está sendo de perdas no horário eleitoral. Na sexta-feira, dia em que a campanha do candidato se aproveitaria da chuva intensa na cidade para falar dos problemas que ela provoca, o horário eleitoral de Azambuja teve apenas 7 segundos.

Punição

As perdas foram provocadas por decisões da Justiça Eleitoral que tiraram tempo do horário eleitoral de Reinaldo, como forma de compensar tempo usado por ele no programa dos vereadores falando da campanha para o Executivo, o que não pode. Ele só pode aparecer no horário dos candidatos a vereador pedindo voto para eles.

Menos, Faustão

Chegado a um exagero, o apresentador Fausto Silva não fez diferente ontem ao levar Michel Teló como uma das atrações principais do programa, junto com o grupo de Pagode Soriso Maroto. Nas contas de Faustão, Michel tem 30 anos de carreira.

Como pode?

Está certo que Michel Teló tem uma relação próxima com a música desde pequeno, mas pelas contas de Faustão, ele teria começado com apenas um ano a carreira. O paranaense radicado em Mato Grosso do Sul até virar sucesso nacional nasceu no dia 21 de janeiro de 1981, portanto, tem 31 anos.

Após "perder" cargo, deputado muda o tom
Mudou – Antes cotado para assumir uma secretaria do governo do Estado, o deputado Coronel David (PSC) está agindo ultimamente como oposição ao Govern...
Reinaldo apoia crescimento dos evangélicos
Decisão divina - Palestrante principal do Fórum Evangélico realizado nesta segunda-feira em Campo Grande, a cantora e pastora Damares Alves disse que...
2018 será ano mais curto para o Legislativo
Três meses – Carnaval, Semana Santa, campanhas eleitorais, Copa... Tudo isso encurta 2018 para os trabalhos legislativos. A observação é de Fábio Tra...
Máfia do Cigarro passa quase livre nas estradas
Esquema antigo - A atuação da Máfia do Cigarro em Mato Grosso do Sul vem de décadas e, de tempos em tempos, surge uma nova denúncia envolvendo polici...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions