ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUARTA  03    CAMPO GRANDE 19º

Arquitetura

Arquiteta investiu em detalhes para nenhum canto da casa ficar sem uso

Arquiteta também investiu em soluções para que a cozinha e o banheiro ganhassem um olhar especial dentro da casa

Por Thailla Torres | 23/05/2020 07:57
Porta na cozinha une ou divide área da sala de jantar, trazendo sensação de amplitude. (Foto: Rafael Lima)
Porta na cozinha une ou divide área da sala de jantar, trazendo sensação de amplitude. (Foto: Rafael Lima)

É quase um ritual aquela passadinha pelo chuveirão antes de entrar na piscina, por isso, o item sempre esteve ali, em algum cantinho do terreno, sem chamar muito a atenção da arquitetura. Mas no projeto de uma família em Campo Grande, a casa sofisticada não deixou de lado nem o chuveirão, criando um projeto que salta aos olhos e até gera dúvidas nas redes sociais.

Pensado e executado pela arquiteta Priscila Valente, o ambiente na foto abaixo foi alvo de questionamentos quando ganhou curtidas e comentários no Instagram. “Muita gente ficou com dúvidas sobre um banheiro com pedras dentro de casa, sobre a higiene..., mas, a verdade é que esse é o banheiro da área de lazer externa da casa”, conta ao telefone, questionada novamente pela reportagem.

Sofisticada, casa não deixou de lado nem o chuveirão no banheiro da área externa. (Foto: Rafael Lima)
Sofisticada, casa não deixou de lado nem o chuveirão no banheiro da área externa. (Foto: Rafael Lima)

Outra surpresa é saber do investimento em um banheiro que, comumente, não é utilizado nos dias úteis da semana. Mas foi pensado para uma família que sempre amou se reunir e proporcionar diferentes soluções de uso dentro da casa, para momentos de descanso e lazer.

A mistura de rústico com sofisticação sem exagero faz você até querer um chuveirão como esse na suíte. “Por ser uma casa pensada em receber pessoas e usufruir de momentos agradáveis em família, o banheiro mais próximo da área de lazer passa a ser o mais visitado. Pensando nisso ele deveria ser inusitado. A construção térrea vizinha já construída possibilitou o teto ao ar livre. Na estética, revestimentos naturais como tijolinho e madeira se encarregaram de formar um conjunto rústico e o preto das louças e metais trouxeram um ar sofisticado ao ambiente”, explica a arquiteta.

Além disso, a cozinha é disposta de forma proposital para atender as expectativas dos moradores que além de cozinhar, gostam de confraternizar. (Foto: Rafael Lima)
Além disso, a cozinha é disposta de forma proposital para atender as expectativas dos moradores que além de cozinhar, gostam de confraternizar. (Foto: Rafael Lima)


Cozinha traz tons neutros e madeira que também causam sensação de aconchego. (Foto: Rafael Lima)
Cozinha traz tons neutros e madeira que também causam sensação de aconchego. (Foto: Rafael Lima)

A mesma regra foi aplicada na cozinha, para uma família que também é apaixonada pela culinária. Com pouca interferência da arquitetura, a profissional se permitiu misturar estilos, desde a base neutra e monocromática em tons de cinza que é rompido pelo azul da cozinha e se torna ponto mais especial da casa.

Além disso, a cozinha é disposta de forma proposital para atender as expectativas dos moradores que além de cozinhar, gostam de confraternizar. “Por esse motivo a cozinha se integra ao jantar através de grandes painéis ripados em lâmina de madeira freijó”, explica sobre o painel, que também pode ser visto como uma porta ou divisória, que, em questão de segundos, faz nascer um novo ambiente quando se abre, provocando também a sensação de amplitude, recurso que pode ser utilizado em espaços com poucos metros quadrados.

“O interessante é que a cozinha clássica com armários em laca azul, quartzo branco nas bancadas e madeira cria um diálogo harmônico entre passado e futuro criando uma atmosfera descontraída e ao mesmo tempo sofisticado”.

“A suíte do casal é um convite ao relaxamento, novamente com o uso da madeira e vidro", diz a arquiteta. (Foto: Rafael Lima)
“A suíte do casal é um convite ao relaxamento, novamente com o uso da madeira e vidro", diz a arquiteta. (Foto: Rafael Lima)

Outra vantagem, segundo a arquiteta, é a garantia de luz dentro da casa. “O uso de amplos painéis de vidro conecta todos os ambientes e incorporam a vegetação para o interior da residência, trazendo iluminação e ventilação natural”.

E quem nunca pensou em abrir mão de ter uma banheira não só pelo preço, mas pela falta de uso no dia a dia? Para que isso não acontecesse, o projeto do banheiro foi pensado para causar bem-estar em todos os instantes, evitando a falta de uso.

“A suíte do casal é um convite ao relaxamento, novamente com o uso da madeira e vidro e um detalhe, que pra mim é mais surpreendente, como relaxar na banheira enquanto observa o céu”, explica.

Por isso, o teto de vidro laminado incolor foi pensado para proporcionar essa experiência de relaxar como se estivesse ao ar livre sem perder a privacidade dentro do próprio banheiro. “Além disso, novamente uma mistura de texturas, como madeira, vidro, quartzo e mármore Travertino garantem a sensação de aconchego”, finaliza.

Atuando no mercado há 15 anos, Priscila diz que elementos orgânicos e naturais como pedra, madeira, cores neutras estão sempre presentes em seus projetos.

Tem um projeto de arquitetura interessante? Compartilha com a gente pelo Facebook ou Instagram do Lado B. Você também pode sugerir pautas e curiosidades sobre arquitetura pelo nosso e-mail: ladob@news.com.br ou através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.