A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 15 de Agosto de 2018

15/02/2018 06:15

Foram 25 anos sem que os quatro irmãos se encontrassem e hoje matam a saudade

Na adolescência cada um foi pra um canto do Brasil trabalhar e contato só era feito via redes sociais

Thaís Pimenta
Paulo Ricardo (esquerda), o aniversariante Paulo Rogério, Paulo Roberto e Leisi. (Foto: Paulo Francis)Paulo Ricardo (esquerda), o aniversariante Paulo Rogério, Paulo Roberto e Leisi. (Foto: Paulo Francis)

Depois da infância complicada, os irmãos gaúchos Paulo Rogério, Paulo Roberto, Paulo Ricardo e Leisi levaram a vida para lugares diferentes do Brasil. Ricardo e Leisi continuaram no Rio Grande do Sul, enquanto Roberto e Rogério vieram para Campo Grande. A rotina corrida impedia que os quatro conseguissem se reunir e, finalmente, depois de 25 anos, o reencontro aconteceu, tudo por causa da mulher de Rogério, a jornalista Márcia Chiad.

No aniversário de 50 anos do marido, Márcia quis fazer uma surpresa. Entrou em contato com todos os irmãos para que eles se organizassem e viessem pra Campo Grande como presente para Paulo. Dito e feito: no último dia 2, eles desembarcaram no aeroporto.

"Fazia tempo que eles queriam se encontrar todos juntos. O meu marido já visitou a irmã, ela já veio aqui há uns 20 anos, mas faz 25 que eles não se juntavam os quatro. Então, está sendo bem especial pra eles", comenta Márcia.

Rogério é o aniversariante da vez, último a completar 50 anos.Rogério é o aniversariante da vez, último a completar 50 anos.

"Foi uma emoção muito grande. As redes sociais ajudam a manter o contato mas é outra coisa ter o olho no olho, o contato físico. É engraçado ver como a gente não briga, basta dar um olhar pra que o outro entenda, é coisa de irmão", conta Rogério.

Ao conversar com a família, fica clara a leveza como todos enfrentam a vida. O perfil de cada irmão é bem definido. Basta cinco minutos de conversa para notar que Paulo Roberto é o engraçadinho da família, Leisi é a irmã pavio curto, já Rogério e Ricardo são os mais "certinhos".

Dos quatro, o aniversariante é o mais novo, ou seja, o último a entrar na casa dos 50. "Viemos dar um apoio para ele nesse momento difícil", brinca Roberto. 

A festa de aniversário aconteceu na quinata-feira (08), com a presença de amigos, a reunião dos irmãos e comemoração dos 25 anos de casados de Márcia e Rogério. "Os 50 anos chegaram dia 8 e os 25 de união dia 6 de fevereiro".

Os três Paulos nos velhos tempos. (Foto: Acervo Pessoal)Os três Paulos nos velhos tempos. (Foto: Acervo Pessoal)

A comemoração também se deve, nas entrelinhas, à qualidade de vida que os quatro alcançaram na boa fase da vida de cada um. Rogério é policial, comandante e chefe do Estado Maior, Leisi é administradora rural, Roberto é militar do Exército Brasileiro, Ricardo foi gerente da Caixa Econômica e hoje está aposentado.

Os pais dos gaúchos se separaram em uma época em que isso não era tão naturalizado como hoje. Logo depois, a mãe dos meninos faleceu em 1975, muito cedo. "Foi um período muito difícil. Fomos morar com nosso pai na época, eram muitas mudanças ao mesmo tempo", dizem.

Leisi, a mulher do grupo, tomou a responsabilidade de cuidar dos irmãos mais novos. "Foi natural, não fui pressionada a isso. Era uma missão minha", diz ela. 

Ao lembrar do passado, a emoção fica escancarada em lágrimas, de saudade e de gratidão. "Vê-los tão bem hoje é importante pra mim, sinto uma paz interna. Estão bem com suas família, com estabilidade financeira e qualidade de vida, é emocionante pra mim".

Você também tem uma história que queira compartilhar aqui? Então, entre em contato com a gente pelo Facebook ou Instagram.

Os irmãos na festa de 50 anos de Rogério. (Foto: Karine Matos/Divulgação)Os irmãos na festa de 50 anos de Rogério. (Foto: Karine Matos/Divulgação)


imagem transparente

Classificados


Copyright © 2018 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.