ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEGUNDA  26    CAMPO GRANDE 31º

Comportamento

Na praia, noiva ganha casamento surpresa com cerimônia pagã

Após sonho, casal sul-mato-grossense cansou de adiar viagem e passeio virou cerimônia de casamento surpresa

Por Lucas Mamédio | 23/06/2021 07:40
Ednan e Irina no momento da cerimônia, na praia de Pirangi do Norte (Foto: Arquivo Pessoal)
Ednan e Irina no momento da cerimônia, na praia de Pirangi do Norte (Foto: Arquivo Pessoal)

Há 13 anos, Campo Grande vivia uma certa pujança na cena undrground. Existia um circuito de bares e locais onde os apreciadores de um velho rock and roll podiam ir. Foi há 13 anos também, em um desses lugares, no Bar Fly, que a produtora cultural Irina Rojas, de 38 anos, e o radialista Ednan Ribeiro Lopes, de 36, depois de uma longa amizade, deram o primeiro beijo.

Um amor que começou há mais de 10 anos que foi celebrado mais uma vez último dia 14 em uma cerimônia de casamento pagã. A celebração foi feira bem longe de Campo Grande, na praia de Pirangi do Norte, no distrito de Parnamirim Rio Grande do Norte, a 12km da capital Natal.

Irina abraçando Ednan durante a cerimônia pagã (Foto: Arquivo Pessoal)
Irina abraçando Ednan durante a cerimônia pagã (Foto: Arquivo Pessoal)
Pais da Irina, Marta Rojas e Pedro Rojas, e a filha do casal, Valentina (Foto: Arquivo Pessoal)
Pais da Irina, Marta Rojas e Pedro Rojas, e a filha do casal, Valentina (Foto: Arquivo Pessoal)

A cultura pagã sempre esteve presente na vida dos dois muito mais da parte dela do que da dele. Irina conta que sempre gostou de estudar sobre espiritualidade, ocultismo e religiões pagãs. Além de ser uma leitora voraz de astrologia, numerologia e demais ferramentas evolutivas.

"Sempre brincava com ele que nossos sol e lua eram invertidos, porque tenho sol em leão e lua em escorpião, e ele o contrário”, diz ela.

Com o passar dos anos a identificação com o paganismo e o feminino e masculino (chamado de sagrado e profano) foi se tornando uma realidade em nossas vidas, tanto que eles fizeram um ritual de “wiccaning” para batismo da filha Valentina, hoje com nove anos.

Na visão do casal, o paganismo é o que significava nos tempos antigos, pessoas que moravam no campo e tinham essa ligação mais afinada com a natureza.

Sacerdotisa e cerimonialista junto do casal na praia (Foto: Arquivo Pessoal)
Sacerdotisa e cerimonialista junto do casal na praia (Foto: Arquivo Pessoal)
Amigos e familiares represetandos por foto durante a cerimônia (Foto: Arquivo Pessoal)
Amigos e familiares represetandos por foto durante a cerimônia (Foto: Arquivo Pessoal)

“Apesar de cada um ter um emprego formal e a correria do dia a dia, é isso que tentamos viver todos os dias, uma vida mais alinhada a natureza, ao baixo consumismo e a alimentação mais orgânica possível”, explica Ednan.

A viagem para Natal RN, já estava programada há aproximadamente três anos, porém vinha sendo adiada e, no dia 30 de junho de 2021, o prazo para realizar a viagem se esgotaria.

“A ideia da cerimônia em Natal RN, partiu do Ednan, tendo em vista que eu sempre quis celebrar nossa união e desejava que essa celebração fosse na praia após ter tido um sonho”.

Músicos que tocaram durante a cerimônia (Foto: Arquivo Pessoal)
Músicos que tocaram durante a cerimônia (Foto: Arquivo Pessoal)
Padrinhos Márcio (à esquerda) e Reginaldo (à direita) (Foto: Arquivo Pessoal)
Padrinhos Márcio (à esquerda) e Reginaldo (à direita) (Foto: Arquivo Pessoal)

 A questão das medidas de segurança para prevenção ao COVID19, só reforçaram a ideia de uma cerimônia intimista, em local aberto e arejado, a cerimônia contou com a filha do casal e apenas quatro convidados, dois amigos que foram padrinhos junto com nossa filha, e os pais de Irina.

A liturgia foi embasada na escolha pela noiva de uma carta do livro "o oráculo da Deusa". A carta escolhida espontaneamente foi a Deusa Hécate, uma carta, segundo Irina, muito forte associada a escolhas, fertilidade e sombras.

“A cerimonialista foi uma bruxa sacerdotisa que soube entender nossos anseios e conduzir belamente a cerimônia. Isso tudo sob as bençãos dos ventos do mar com sua imensidão, assim como esperamos que seja nosso amor” diz Irina.

 Curta o Lado B no Facebook. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: ladob@news.com.br ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário