ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 22º

Consumo

Consumidor compra mais ovos de chocolate com menos dinheiro

Por Mariana Lopes | 01/04/2013 13:48
Livia adotou a estratégia de comprar um dia depois da data pela primeira vez e garante que deu certo (Foto: Pedro Peralta)
Livia adotou a estratégia de comprar um dia depois da data pela primeira vez e garante que deu certo (Foto: Pedro Peralta)
Promoção em supermercado começou ontem, no domingo de Páscoa (Foto: Pedro Peralta)
Promoção em supermercado começou ontem, no domingo de Páscoa (Foto: Pedro Peralta)

A Páscoa passou, mas, nas prateleiras de supermercados, ainda sobraram ovos de chocolate. Para economizar, consumidores de Campo Grande adotam a estratégia de comprar na semana posterior à data comemorativa, quando os preços dos produtos específicos do período entram em promoção.

A empresária Lívia Costa, 28 anos, garante que vale a pena segurar as compras para economizar. Ela conta que este ano resolveu arriscar a tática e não se arrepende. “Deixei para comprar tudo hoje, consegui levar mais ovos e, mesmo assim, economizei mais de R$ 40”, contabiliza.

No carrinho de compras, ela já havia separado seis ovos de chocolate. Na promoção do supermercado, “leve 3 e pague 2”, pagou apenas por quatro. “Daqui para frente será assim, só compro depois da data certa”, afirma.

Com as sacolas mais cheias, a motorista Maria Mirtes Machado da Silva, 34 anos, também apostou na economia e deixou para comprar os ovos de chocolate nesta segunda-feira.

Ela levou nove ovos, e na mesma promoção só pagou por seis. “Economizei, por baixo, mais de R$ 50, realmente vale a pena, além de os produtos estarem ainda em boas condições”, enfatiza a motorista.

A promoção foi lançada ainda ontem, domingo de Páscoa, e deve permanecer até a próxima quarta-feira (3), quando os fornecedores definem novas ofertas para desentulhar as prateleiras, conforme informações do gerente do Comper Jardim dos Estados, Marcelo Sandro.

Segundo ele, apesar da grande sobra de produtos de Páscoa, a rede de supermercados vendeu 8% a mais em relação ao mesmo período do ano passado. O gerente afirma que o estabelecimento ainda não contabilizou a sobre desta Páscoa.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário