A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 27 de Maio de 2019

16/05/2019 07:10

Antigo “risca faca” vira reduto de punk rock com caipirinha de cerveja e vinho

Além de mistura diferente na bebida, lugar tem clima de porão e chegou para atender a cultura underground da cidade.

Thailla Torres
Caipirinha de cerveja é bebida principal da casa de punk rock, nas Moreninhas. (Foto: Paulo Francis)Caipirinha de cerveja é bebida principal da casa de punk rock, nas Moreninhas. (Foto: Paulo Francis)

O lugar tem clima de porão e banda de punk rock fazendo som pelo menos uma vez por mês. Quando o dia do evento especial chega no “Buteco Colonial”, um ponto do Bairro Moreninhas, vira lugar favorito de quem há muito tempo sente que perdeu espaço na cena musical da cidade.

“Campo Grande não tem espaço real para o punk, o rock e o rap. Muitos lugares fecharam. Aqui nas Moreninhas, única coisa que tem é tabacaria e elas só têm sertanejo e funk”, descreve o dono Jeferson Lopes de Jesus, de 24 anos, que há poucos meses transformou o boteco da avó em bar de rock.

Em sua história, o bar serviu famosas doses de pinga a moradores antigos e freguesia conhecida que nunca abriu mão de um gole em uma das regiões mais populosas da cidade.

Jeferson reformou bar que era da avó.  (Foto: Paulo Francis)Jeferson reformou bar que era da avó. (Foto: Paulo Francis)

O bar que pertencia a avó de Jeferson, durante 8 anos, carregou na fama de “risca faca”. “No começo tinha bastante movimento, mas nesse movimento sempre dava muita briga. Com o tempo o ‘risca faca’ popularizou. Mas o antigo nome era ‘Bar da Cícera’”, conta o neto.

Cansada de servir, Cícera trocou o bar pela casa do neto e a herança ganhou novo conceito. “Nossa ideia é trabalhar com rock, punk rock, eletrônico e rap”.

O bar abre todos os dias a partir das 18h, mas uma vez por mês acontece o “Moreninhas Underground” evento realizado por parceiros de Jeferson que acreditaram em seu espaço para atender a cultura underground da cidade. “Eu fiquei muito feliz e abro as portas com todo prazer para esse público porque tanto a cidade como o nosso bairro merecem”.

Muita gente questiona o ponto, tão distante do Centro. Mas além de manter viva a história da avó na Avenida, Jeferson tem amor pela região. “Eu até pensei em abrir no Centro. Mas a gente precisa romper com essa ideia que a Moreninha é longe, a cidade cresceu demais e somos um bairro que poderia ser considerado município. Eu tenho muito orgulho dessa região”.

Espaço tem clima de porão e banda de punk rock na programação. (Foto: Paulo Francis)Espaço tem clima de porão e banda de punk rock na programação. (Foto: Paulo Francis)
Placa de não alimente a treta é sugestão para acabar com fama de risca faca do ponto.  (Foto: Paulo Francis)Placa de "não alimente a treta" é sugestão para acabar com fama de risca faca do ponto. (Foto: Paulo Francis)

Jeferson diz que a localização nunca foi problema e virou marketing para o lugar. “Quando fazem os eventos aqui, muita fica curioso e aparece. Parte do nosso público não é do bairro e sim de outras regiões da cidade”.

Os bancos de paletes lembram a varanda de casa e é assim que todo mundo se comporta, bem à vontade. As paredes pretas dão um clima noturno logo após às 17h e à noite o som domina a casa.

O prato principal nesse período de baixas temperaturas é o caldinho. Mas o carro-chefe da casa são as caipirinhas de cerveja e vinho. “A ideia era fazer comida, só que ainda não conseguimos finalizar a reforma e ter uma cozinha industrial. Então a gente misturou todas as ideias de um bar americano e criou um bar com cara de rock mesmo”.

Uma máquina de fliperama tem papel importante na programação e faz o público se divertir com jogos mais antigos. E daqui uns dias, Jeferson quer dar mais um passo. “Aqui a gente quer reunir todos os públicos e abrir espaço para bandas que não tocam por aí. Mas também quero fazer uma batalha de rimas e abrir espaço para os MC’s”.

No próximo domingo, 19 de maio, tem evento marcado no espaço com o “Encontro das Tribos”. O ingresso é 1 agasalho ou R$ 5,00. A abertura é às 14h00.

O bar fica na Avenida Araticum, 794, Moreninhas.

Curta o Lado B no Facebook e Instagram.



imagem transparente

Classificados


Copyright © 2019 - Campo Grande News - Todos os direitos reservados.