ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUARTA  15    CAMPO GRANDE 19º

Faz Bem!

Pelas mãos de Renata, plantas viram cosméticos em ateliê consciente

Renata frequentava feirinhas, mas desde a pandemia as vendas estão restritas ao Instagram.

Por Paula Maciulevicius Brasil | 14/06/2020 08:00
Renata Nantes na produção dos cosméticos. (Foto: Renascer Ateliê)
Renata Nantes na produção dos cosméticos. (Foto: Renascer Ateliê)

Foi em 2018, depois de ter conhecido a medicina natural e vivido como mochileira, que Renata Nantes, 23 anos, voltou para Campo Grande disposta a compartilhar o que havia aprendido e ainda estudar mais sobre o que a natureza poderia trazer de benefícios. Deste novo ciclo surgia o Ateliê Renascer, onde a natureza é matéria-prima para a cosmetologia natural e uma moda ecológica.

Se você frequentava, antes da pandemia, feirinhas como o Sarau de Segunda e o Quintal Coletivo, já se deparou com Renata, seus produtos e uma pequena apresentação sobre seu trabalho. Desde que a quarentena começou, o trabalho tem ficado restrito ao ateliê, e as vendas on-line pelo Instagram.

A proposta do ateliê, desde seu nascimento, é reconectar clientes com a natureza. Hoje, além de mostrar sua arte, o que Renata busca é proporcionar novas experiências. "Um local onde você encontra cosméticos, roupas e acessórios feitos de forma natural, transparente, consciente, com produção local e mão de obra justa", completa.

Plantas viram sabonetes e shampoo sólido. (Foto: Renascer Ateliê)
Plantas viram sabonetes e shampoo sólido. (Foto: Renascer Ateliê)

No ateliê, todo o trabalho é feito a partir de plantas fixas, como: alecrim, calêndula, camomila, algas marinhas, barbatimão, açafrão e aloe vera, melaleuca, cacau e cupuaçu. E de argilas, Renata cria produtos a partir da branca, preta, vermelha, amarela e verde. Partindo desses princípios ativos são produzidos sabonetes íntimos, faciais e corporais, além de hidratantes, máscara facial, esfoliante, shampoo sólido, desodorantes, balm labial e aromatizadores de ambiente.

O carro-chefe nas vendas e queridinho das clientes é a linha Rejuvenesça, feita a base de argila. "Pela variedade de múltiplos benefícios, se destacando em especial a argila verde por ser adstringente e tratar de forma muito eficaz problemas como oleosidade na pele e no cabelo, auxilia ainda no tratamento de acne, desintoxicante de pele", comenta Renata.

Queridinhas do ateliê, as argilas trabalham de forma natural pele e cabelo. (Foto: Renascer Ateliê)
Queridinhas do ateliê, as argilas trabalham de forma natural pele e cabelo. (Foto: Renascer Ateliê)

Depois que a pandemia tirou o ateliê das feirinhas, introduziu a costura através das máscaras de tecido. Agora, Renata conta que também está trabalhando na primeira coleção de roupas que deve ser lançada ainda este ano, junto dos cosméticos a base de plantas regionais, como a erva-mate.

"É isso é o que me faz feliz sabe? Fazer com que as pessoas experimentem novas texturas, aromas e a medicina natural dentro do seu dia a dia! Temos uma relação transparente com nossos clientes para nos conectar com suas reais necessidades na hora que eles vão escolher para que a escolha final seja algo artesanal, com qualidade, sem maltrato aos animais, sem componentes cancerígenos e com o menor impacto ambiental negativo possível", resume Renata.

Para conhecer mais do ateliê, siga o Instagram @Renascer.atelie. E você? Tem alguma sugestão de pauta para o Lado B? Mande para a gente no Facebook, Instagram, e-mail: ladob@news.com.br ou pelo Direto das Ruas, o WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Ainda este ano Renata deve lançar moda sustentável de roupas pelo ateliê. (Foto: Renascer Ateliê)
Ainda este ano Renata deve lançar moda sustentável de roupas pelo ateliê. (Foto: Renascer Ateliê)