ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SÁBADO  30    CAMPO GRANDE 28º

Sabor

Festival da Rapadura agora é Patrimônio Histórico e Cultural do Estado

Por Paula Maciulevicius | 17/11/2016 08:50
Todo ano, Festival tem almoço para a comunidade e visitantes. (Foto: Arquivo/João Garrigó)
Todo ano, Festival tem almoço para a comunidade e visitantes. (Foto: Arquivo/João Garrigó)

Uma receita que conta a história de um povo. Desde 2013, as Furnas de Dionísio comemoram a rapadura num grande festival, que agora virou Patrimônio Histórico e Cultural do Estado. O Diário Oficial desta quinta-feira (17), declara tanto o doce quanto a comemoração que vem da Associação de Pequenos Produtores Rurais de Furnas do Dionísio.

A 35 quilômetros daqui, um bate e volta pode ser a descoberta da cultura da comunidade quilombola de Dionísio Antônio Pereira, fundador que chegou ao Estado por volta de 1890 e começou a trabalhar na agricultura e na fabricação de doces. 

A rapadura hoje é o carro-chefe das 94 famílias que moram na região. A programação, todo ano tem bailão, almoço e de sobremesa tudo o que é feito da cana, para manter vida a cultura e tradição da região.