ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, SÁBADO  25    CAMPO GRANDE 19º

Mato Grosso do Sul

Momento raro: sucuri engole arara-canindé em fazenda no Pantanal

Primeiro registro envolvendo as duas espécies, cena foi flagrada em fazenda no Pantanal

Por Giovanna Dauzacker | 25/02/2022 15:06



Um momento extremamente incomum de se observar na natureza foi registrado em vídeo enviado ao Instituto Arara Azul. Nas imagens, o flagrante de uma sucuri-amarela se alimentando de uma arara-canindé. O fato aconteceu na fazenda Baía das Pedras, no Pantanal Sul e foi compartilhado com os seguidores da organização em uma rede social (vídeo abaixo).

Segundo a presidente do Instituto, Neiva Guedes, foi a primeira vez que os colaboradores se depararam com esse evento da biodiversidade. “Trabalhamos há muitas décadas no Pantanal e nunca observamos sucuri se alimentando de grandes araras”, relata.

Campo Grande News - Conteúdo de VerdadeVídeo foi compartilhado pelo Instituto Arara Azul. (Imagem: Reprodução)

O momento, além de raro, é difícil de ser registrado, segundo Guedes. “Essas cenas também não são fáceis de se observar, principalmente se acontece no chão e sob a vegetação.”

No local onde a cena aconteceu, há um dormitório de araras, ponto perfeito para que a cobra fizesse a refeição. De acordo com a publicação do Arara Azul, a sucuri-amarela é um predador que se alimenta de aves, ovos, répteis e mamíferos. “Apesar de impressionante, esse encontro faz parte do ciclo natural da vida selvagem”, diz um trecho do texto.

Situação parecida foi registrada em 2019, no Buraco das Araras, que fica em Jardim, a 236 quilômetros de Campo Grande, quando flagraram uma arara-vermelha sendo predada por uma jiboia.

Nos siga no Google Notícias