ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SÁBADO  24    CAMPO GRANDE 21º

Meio Ambiente

"Seca" há 15 dias, Capital só deve ter chuva no meio de julho

Última chuva foi registrada dia 19 de junho

Por Renata Volpe Haddad | 04/07/2017 09:23
Ventos derrubam sensação térmica nesta terça-feira (4) e sol deve predominar o dia todo. (Foto: André Bittar)
Ventos derrubam sensação térmica nesta terça-feira (4) e sol deve predominar o dia todo. (Foto: André Bittar)

Campo Grande deve completar 30 dias sem grandes volumes de chuvas. O último registro foi no dia 19 de junho e em pouca quantidade. Agora, a previsão é de mudança considerável no tempo apenas na segunda quinzena de julho.

De acordo com o meteorologista Natálio Abrão, tem uma mudança de tempo prevista para o dia 8, próximo sábado. "Mas não é nada grande. Se chover, será de forma fraca e alguns milímetros. Depois, está previsto que chova no dia 17 de julho".

Típico do inverno, a massa de ar polar fria e seca predomina em Mato Grosso do Sul há quase um mês. Há mais de uma semana a umidade relativa do ar está em 30% e 40%, níveis considerados de alerta à saúde humana.

Estado - Conforme dados do Cemtec (Centro de Monitoramento de Tempo e Clima), em junho municípios de MS ficaram 29 dias sem chuvas. Os municípios que mais sofreram com a seca foram: Ponta Porã e Nhumirim, no Pantanal, com 29 dias sem chover.

Três Lagoas registrou 28 dias sem chuvas; Sete Quedas, Costa Rica e Cassilândia, 27 dias; Sonora 26 dias; Corumbá e Bataguassu 25 dias; Campo Grande 22 dias; Água Clara e Aquidauana, 21 dias sem chover.

Os municípios que ficaram com índice abaixo do esperado para o mês foram: Amambai com 60 milímetros, sendo que o esperado era de 90 milímetros; Água Clara com 7 milímetros de chuvas, com média esperada de 28,7 milímetros; Aquidauana choveu 30 milímetros e a média esperada era de 48,5.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário