A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

03/04/2013 13:23

“Grande estadista olha para o futuro”, afirma Giroto, para alfinetar Bernal

Carlos Martins

De volta ao Estado no cargo de secretário de Obras Públicas, o deputado federal Edson Giroto (PMDB), que entrou nesta quarta-feira com pedido de licença na Câmara, “alfinetou” hoje o prefeito eleito da Capital, Alcides Bernal (PP), que o derrotou no segundo turno das eleições em outubro passado.

“Disseram na campanha que o Estado e a prefeitura não tinham planejamento. No entanto, todas as avenidas da Capital foram recuperadas graças ao trabalho do governo do Estado”, apontou. “O grande estadista é o que olha para o futuro”, continuou, se referindo à postura do prefeito, que teria demitido servidores da prefeitura por terem ligação com o PMDB.

Falando sobre suas pretensões políticas que envolvem uma possível candidatura ao Senado, já que o governador André Puccinelli tem dito que não pretende concorrer, Giroto desconversou. “Faço parte de um grupo político. Não tenho direito de colocar minha vontade pessoal acima dos interesses do partido. Agora, vontade de disputar o Senado eu tenho, até vontade de ser Presidente da República, mas não depende só de mim. Por exemplo, tentei a prefeitura, mas pela vontade da maioria da população não fui eleito”, disse, explicando que disputar e vencer uma eleição não depende apenas da vontade do postulante.

“Mas acho que escolheram errado”, disse, se referindo a escolha dos eleitores por Bernal. “Crianças do Ensino Fundamental não têm caderno, nem lápis e nem merenda. Os mais necessitados estão sendo penalizados. Diretores de escola e merendeiras estão sendo perseguidos“, afirmou. Recentemente ele reclamou que desde novembro vem tentando marcar uma audiência com Alcides Bernal para tratar sobre projetos e liberação de recursos para a cidade, só que o prefeito não responde a ofícios, telefonemas nem a e-mails.

Giroto conta que conseguiu, por meio de uma emenda parlamentar, R$ 500 mil para serem investidos na reforma e ampliação da Unidade Básica de Saúde (UBS) Lar do Trabalhador e também para a compra de equipamentos. “Gostaria de conversar com o prefeito para tratar do assunto, já que o dinheiro está disponível e basta licitar a obra, mas não sou recebido”, criticou.

Deixando de lado as divergências políticas, Giroto lembra que na condição de deputado federal trabalhou pelo interesse de Mato Grosso do Sul e como tem bom trânsito em Brasília continuará trabalhando para trazer recursos para o Estado, inclusive para a Capital.

Além de trabalhar para colocar em 90 dias em andamento a segunda fase do Plano de Ação do governo, que prevê investimentos de R$ 1,213 bilhão em obras de infraestrutura no Estado com recursos do BNDES e contrapartida do governo do Estado, Giroto também recebeu como missão do governador André Puccinelli a realização de um diagnóstico em todos os municípios definindo as vocações de cada um e detectando as necessidades para buscar os recursos necessários.



A população sul-mato-grossense agradece pela volta do Secretário Giroto. Ele foi sem dúvida o melhor secretário de obras que tivemos, não só pela quantidade de obras em andamento quando estava à frente da secretaria, como pela qualidade das mesmas. Aliás, ele poderia, enquanto secretário estadual, implantar um curso para os secretários municipais, seria de bom tom.
 
Marcilene Dutra em 03/04/2013 19:57:07
Parabéns GIROTO!! tenho a certeza de que logo voltaremos a andar com as obras agora!!!!
 
renato filho em 03/04/2013 18:02:51
“Mas acho que escolheram errado”, disse, se referindo a escolha dos eleitores por Bernal. “Crianças do Ensino Fundamental não têm caderno, nem lápis e nem merenda. Os mais necessitados estão sendo penalizados. Diretores de escola e merendeiras estão sendo perseguidos“, afirmou. Recentemente ele reclamou que desde novembro vem tentando marcar uma audiência com Alcides Bernal para tratar sobre projetos e liberação de recursos para a cidade, só que o prefeito não responde a ofícios, telefonemas nem a e-mails.

BERNAL CONTRA TODOS...CRIANDO POLEMICAS...A SOCIEDADE QUE SOFRE AS CONSEQUENCIAS.
 
RAFAEL ALVES em 03/04/2013 17:32:02
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions