A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

29/12/2009 17:28

André diz que encerra carreira em 2014 e apoia Nelsinho

Redação

Na entrevista exclusiva, concedida na manhã de hoje ao Campo Grande News,

o governador André Puccinelli (PMDB) afirmou que vai encerrar a carreira política em 2014, caso seja reeleito nas eleições de outubro do próximo ano. E, se o pleito fosse hoje, apoiaria o prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PMDB), para sucede-lo.

Em 2014, Puccinelli estará com 67 anos de idade. Apesar de ser considerado candidato nato ao Senado, ele afirmou hoje que pretende encerrar a carreira política. "Eu volto a reiterar, eu volto a reiterar: em 2014 encerro minha vida política", frisou, quando estará completando 32 anos de vida pública, que começou em 1982 como candidato a prefeito de Fátima do Sul.

Deputado estadual por duas vezes, secretário estadual de Saúde e prefeito da Capital pro dois mandatos, ele pretende apoiar os companheiros após concluir o segundo mandato como governador. E sinalizou que, se a eleição fosse hoje, o seu candidato seria o prefeito da Capital, Nelsinho Trad.

Veto - "O Nelsinho é um bom quadro. Fosse hoje o período pré-eleitoral de 2014, ele estaria um pouco a frente da Simone Tebet, que também é um bom quadro", disse. E criticou as insinuações de que o prefeito da Capital não tem o seu aval.

"Não podem pessoas estranhas ficarem buzinando, não há veto algum ao nome do Nelsinho, da Simone ou a outro nome do PMDB", esclareceu, incluindo outros pré-candidatos na lista.

Presidente

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions