ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, SÁBADO  18    CAMPO GRANDE 19º

Política

Após 4h em MS, Lula embarca para compromisso em São Paulo

Presidente seguiu para SP, onde inaugura nova sede de fabricantes de veículos automotores

Por Jhefferson Gamarra e Clara Farias | 12/04/2024 14:20
Avião presidencial deixando Campo Grande com destino a São Paulo (Foto: Paulo Francis)
Avião presidencial deixando Campo Grande com destino a São Paulo (Foto: Paulo Francis)

A primeira visita oficial do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) a Mato Grosso do Sul em mais de uma década durou cerca de 4 horas. O avião presidencial partiu da Base Aérea de Campo Grande por volta das 13h30 desta sexta-feira (12) com destino a São Paulo, onde o presidente participaria da inauguração da nova sede da Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores).

A comitiva presidencial desembarcou na Capital por volta das 9h30 e seguiu diretamente para a fábrica da produtora multinacional de alimentos JBS, localizada na BR-060, saída para Sidrolândia. O trajeto durou aproximadamente 30 minutos.

Na unidade, o presidente fez um “tour” pela linha de produção, cumprimentou e abraçou funcionários acompanhado do governador Eduardo Riedel (PSDB), do embaixador chinês Zhu Qingqiao e dos presidentes da JBS, Wesley e Joesley Batista. Em seguida, carimbou uma peça de picanha e selou o embarque do primeiro carregamento de carne bovina que será exportado de Mato Grosso do Sul para a China.

Lula carimbando uma peça de picanha que seguirá para a China (Foto: Ricardo Stuckert / PR)
Lula carimbando uma peça de picanha que seguirá para a China (Foto: Ricardo Stuckert / PR)

Durante seu discurso para as autoridades e mais de 3.000 convidados, Lula destacou a importância da parceria com o país asiático que vai receber a proteína sul-mato-grossense nos próximos dias.

“Essa é uma homenagem que a China faz para o Brasil exportar. Vamos mostrar para o Xi Jinping o povo batendo palma no dia que estamos embarcando a carne, que daqui alguns dias, essa carne que colocamos a mão vai ter muito chinês comendo”, destacou.

O presidente fez questão de enfatizar a importância das viagens internacionais no início do mandato, que resultaram na negociação comercial. “Ano passado foi a mais extraordinária do meu governo, fomos recebidos com muito carinho pelo governo chinês e em novembro está confirmado o Xi Jinping no Brasil”, completou.

Vidraceiro que acompanhou a passagem da comitiva presidencial ao lado da esposa (Foto: Paulo Francis)
Vidraceiro que acompanhou a passagem da comitiva presidencial ao lado da esposa (Foto: Paulo Francis)

Fãs – O vidraceiro Eneias Araújo Gonçalves, 60 anos, ficou de prontidão com a esposa em frente à Base Aérea de Campo Grande para acompanhar a chegada e a partida do presidente. Ele conta que é a terceira vez que presencia a vinda do presidente a Campo Grande.

“Viemos aqui prestigiar o evento. O presidente veio trazer mais uma ação boa, que é vender carne pro resto do mundo, isso é que o Brasil precisa, o Brasil é um celeiro mundial de comida e agricultura e tudo. Infelizmente não conseguimos vê-lo, mas oportunidade vai ter outra e a gente vai conseguir vê-lo novamente, se Deus quiser. Vamos vender comida, que é o que o Brasil precisa e o Brasil tem a oferecer pro mundo”, frisou o vidraceiro.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.


Nos siga no Google Notícias