A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 19 de Agosto de 2019

28/03/2019 11:19

Após visita, deputados entregam relatório de barragens nesta sexta

Herculano Borges, Evander Vendramini e Lucas de Lima estiveram em Corumbá na semana passada para vistoria em duas barragens

Tatiana Marin e Leonardo Rocha
Deputado Herculano Borges em entrevista sobre a visita a Corumbá. (Foto: Leonardo Rocha)Deputado Herculano Borges em entrevista sobre a visita a Corumbá. (Foto: Leonardo Rocha)

O relatório resultado da visita que os deputados Herculano Borges (SD), Evander Vendramini (PP) e Lucas de Lima (SD) será entregue nesta sexta-feira (29) na Assembleia. Eles alertam, no entanto, que trata-se de documento simples e não contém informações técnicas. Os parlamentares estiveram nas barragens Gregório, da Vale, e Sul, da Vetorial.

Aos Campo Grande News, Herculano Borges adiantou algumas informações que coletaram e que confirmam as vistorias já realizadas pelo Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul).

Em relação à Gregório, verificaram que trata-se de uma barragem a jusante, diferente do modelo de Brumadinho e Mariana e que visualmente aparenta boas condições. Além disso, foram informados que os técnicos fazem avaliações diárias e que a estrutura está usando 50% de sua capacidade total.

Quanto às questões de segurança, os técnicos da Vale informaram que há rota de fuga
e antes mesmo da tragédia em Brumadinho, já havia sido realizado um treinamento pela Defesa Civil. O monitoramento e sirenes também estão em funcionamento.

Já a barragem Sul é do tipo a montante, a mesma forma utilizada nas de Brumadinho e Mariana. Nesta eles também perceberam a infiltração que, segundo Herculano, já está sendo tratada pelos técnicos. Disse também que os órgãos nacionais de controle - ANM (Agência Nacional de Mineração) - já notificaram a empresa.

A mineradora tem até abril para resolver o problema e apresentar plano de fuga e instalação de equipamento de segurança como câmeras de monitoramento e sirenes, bem como realizar treinamento dos funcionários.

Ainda, Herculano conclui dizendo que reconhece os esforços realizados pelo Estado, através do Imasul e demais órgãos que acompanharam a fiscalização no final de janeiro, mas querem fazer acompanhamento auxiliar. “Foi bom conferir pessoalmente para entender o processo e também para ter informações de como andam os trabalhos em relação às barragens”, pontua.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions