A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

20/06/2011 18:34

Arroyo pode entrar com ação para ficar com vaga de conselheiro do TCE

Ana Paula Carvalho
Deputado estadual, Antônio Carlos Arroyo, passou a tarde reunido com advogados, em São Paulo.Deputado estadual, Antônio Carlos Arroyo, passou a tarde reunido com advogados, em São Paulo.

Arroyo pode entrar com ação para ficar com vaga de conselheiro do TCE

O deputado estadual Antônio Carlos Arroyo (PR), passou à tarde reunido com advogados constitucionalistas, em São Paulo, para decidir se entrará com uma ação contra a decisão da Mesa que considerou a senadora Marisa Serrano (PSDB) eleita para o cargo de conselheira do TCE/MS (Tribunal de Contas do Estado).

Por telefone, o deputado disse ao Campo Grande News que ainda não tem uma posição, mas que está reunido com dois advogados para definir o que será feito. “Eu estou reunido com os advogados aqui em São Paulo. Se entrar com a ação, será contra a mesa que elegeu a Marisa como conselheira”, afirma.

Arroyo e Marisa disputaram a vaga de conselheiro do TCE/MS durante eleição na Assembléia Legislativa, na semana passada. O deputado recebeu sete votos favoráveis, dois contrários e dois em branco. Já a senadora teve 20 votos a favor, dois contra e uma abstenção.

A quantidade de votos em branco recebidos por Arroyo gerou polêmica depois da votação. O deputado Marquinhos Trad (PMDB) levantou a questão dos brancos serem computados como válidos, o que garantiria a eleição por maioria de Arroyo.

Ainda na semana passada, Marquinhos pediu para que sua observação constasse em ata e antecipou que isso poderia dar margem a contestação futura.

E é baseado nesse argumento que Antônio Carlos Arroyo poderá entrar com a ação contestando a decisão. Se isso acontecer e, for entendido que houve erro, ele assume a vaga.

A nomeação de Marisa Serrano como conselheira do Tribunal de Contas do Estado foi publicada hoje (20) no Diário Oficial. A vaga foi aberta, em fevereiro, após a morte da ex-deputada Celina Jallad que era conselheira do TCE.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions