ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, QUINTA  02    CAMPO GRANDE 29º

Política

Bernal cede à pressão e nomeia Pedro Chaves para Secretaria de Governo

Por Vinicius Squinelo e Zana Zaidan | 04/11/2013 20:42
Pedro Chaves e petistas estiveram em reunião com Bernal nesta noite (foto: João Garrigó)
Pedro Chaves e petistas estiveram em reunião com Bernal nesta noite (foto: João Garrigó)

De “supetão”, o prefeito Alcides Bernal (PP) decidiu nomear Pedro Chaves (PSC) como Secretário Municipal de Governo, cargo mais importante do primeiro escalão municipal. A decisão demonstra que o progressista cedeu à pressão dos petistas, já que Chaves é suplente do senador Delcídio do Amaral (PT).

“Eu vou somar com o prefeito na gestão da cidade, vou ser o secretário de Governo”, garantiu Chaves, em frente do Paço Municipal, após reunião na noite de hoje (4).

Chaves já aproveitou e anunciou que a primeira medida como secretário será nomear um conselho político, e ampliar a conversação com os partidos, outros dois pontos pedidos pelos petistas.

“Conversei bastante com os companheiros, com o Delcídio e com aliados do PT”, confessou Chaves, logo após ser comunicado por Bernal que será nomeado secretário de Governo.

Com a nomeação, Bernal deve ganhar o apoio da vereadora Juliana Zorzo, também do PSC.

Problemas – Chaves deverá ser nomeado oficialmente amanhã (4), e já deve enfrentar dificuldades na pasta, responsável pelas “negociações” políticas de Alcides Bernal.

“Vamos estabelecer um diálogo com a Câmara Municipal, já que sem a Câmara não é possível a gestão dar certo. Essa relação vai somar com o Executivo”, afirmou Chaves, pedindo um “voto de confiança” aos vereadores da cidade.

Participaram da reunião os petistas Vander Loubet (deputado federal), Cabo Almi (PT), Marcus Garcia (presidente regional da sigla) e Gildo Oliveira (presidente municipal)

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário