A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 20 de Agosto de 2017

22/10/2013 10:46

Bernal “lava as mãos”, mas diz que não quer expulsão de Chocolate

Edivaldo Bitencourt e Kleber Clajus
Prefeito disse que não deseja a expulsão de Chocolate do partido (Foto: Cleber Gellio)Prefeito disse que não deseja a expulsão de Chocolate do partido (Foto: Cleber Gellio)

O prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP), “lavou as mãos” em relação ao ex-amigo, o vereador Waldecy Chocolate (PP). No entanto, ele disse que não quer a expulsão do parlamentar do partido porque votou a favor da abertura da Comissão Processante na Câmara Municipal.

O PP instaurou processo disciplinar contra o vereador e pode expulsa-lo da sigla por infidelidade e até tirar-lhe o mandato. “Se depender de mim, ele não vai ser expulso”, afirmou Bernal, na manhã de hoje, ao chegar para evento no Grand Park Hotel.

No entanto, Bernal, que chegou a demitir e recontratar a esposa do parlamentar, Claudia Núbia após a votação na Câmara, disse que não vai se envolver com a situação do vereador. “Eu respeito as decisões dele e vivemos numa democracia”, ressaltou.

Bernal é presidente regional do PP. A expulsão de Chocolate é apontada pelo vereador e amigos como retaliação por ele ter votado a favor da investigação, que pode levar à cassação do mandato do prefeito.




perseguição é o que estão fazendo com o bernal, o coitado não pode nem respirar, da um tempo, galera, tantas coisas erradas aconteceram em outras administrações e ninguem nunca fez tanto alarde, parem de hipocresia!
 
daiana duarte gomes em 22/10/2013 18:27:57
se esse prefeito, respeitasse a opinião do waldecy não teria exonerado a esposa do chocolate no dia seguinte a votação na câmara,e pedido a sua cassação
 
valdir zatti em 22/10/2013 16:46:33
Entendam uma coisa a democracia nao tem partido os partidos e que deve te-la. A politica e composta de partidos, grupos, times se preferir, e compostas de lados representativos do povo mais opostos entre si por isso a democracia nesse campo nao passa de pretençoes, pois ela deve atuar a serviço dos pareas e nao dos opostos.
 
EDILSON PEREIRA DA SILVA em 22/10/2013 16:11:06
é isso ai eleitores brasileiros vamos eleger mais chocolates,só palhaçada!! ops desculpa palhaços vcs são trabalhadores e honestos.

 
walcir batista em 22/10/2013 13:07:43
O fato do PP cogitar a expulsão do vereador chocalate vem comprovar que democracia no Brasil é só no papel, conforme diz o Andre Pericles em seu comentário, vereadores, deputados e senadores são escravos dos partidos politicos, ou seja ou votam conforme determina o partido ou corre o risco de terem seus mandatos cassados, conclusão eles são eleitos para representar o povo mais na realidade representam os caciques de seus partidos.
 
juvenil marques do vale em 22/10/2013 12:19:18
Os campo-grandenses merecem esta verdadeira palhaçada q a cidade está vivendo pois foi a população q elegeu os protagonistas.. Parabéns aos eleitores desta turma de incompetentes..
 
Antônio Carlos em 22/10/2013 11:40:49
Se o nosso país continuar com esse monte de partido vai continuar a mesma coisa.
Hoje cada político eleito deve pedir bênção ao seu partido. Não é e nunca será um verdadeiro representante do povo. Será um representante do seu partido. Para dar vaga a todos os partidos fazem eleições proporcionais para o legislativo e adotam o sistema de quociente eleitoral. Tudo isso para por um cabresto no candidato e no eleito. Assim ele é eleito pelo partido e não diretamente pelo povo.
Devemos mudar isso. Fim da eleição proporcional. Quem tiver mais ideias e credibilidade entra. Quem não tem fica de fora. Simples assim. E seria muito bom ver um vereador ou deputado votando pela cabeça dele e não do partido.
 
André Pericles em 22/10/2013 11:18:24
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions