A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

10/06/2016 12:55

Coronel Davi oficializa pré-candidatura, critica Bernal e elenca prioridades

Deputado federal Jair Bolsonaro disse que o parlamentar é capacitado para assumir Capital

Mayara Bueno e Leonardo Rocha
Coronel Davi, pré-candidato a prefeito de Campo Grande. (Foto: Alcides Neto)Coronel Davi, pré-candidato a prefeito de Campo Grande. (Foto: Alcides Neto)
Evento reuniu lideranças do PSC nacional e de MS. (Foto: Alcides Neto)Evento reuniu lideranças do PSC nacional e de MS. (Foto: Alcides Neto)

Oficialmente pré-candidato a prefeito de Campo Grande, o deputado estadual Coronel Davi (PSC), criticou a atual administração e elencou prioridades em uma eventual vitória na eleição deste ano. O parlamentar tem o aval do deputado federal Jair Bolsonaro (PSC), que disse que Davi é o nome capacitado para comandar a Prefeitura da Capital.

Em discurso, acompanhado de Bolsonaro e do presidente nacional do partido, Pastor Everaldo, o deputado disse que a “missão será difícil”, mas que está “muito animado”. Davi listou uma série de ações que considera falha na atual gestão da Capital, comandada por Alcides Bernal (PP). “O prefeito entregou uniformes para 100 mil crianças em junho. Aqui parece novela mexicana, porque ele fica agindo com vitimização, se escondendo atrás de denúncia do MPE”. Ele se refere ao relatório entregue à Justiça, a respeito da Coffee Break.

Mas, para o pré-candidato, embora tenha listado problemas na Prefeitura, “não vai culpar administrações anteriores” e, sim, “cuidar das contas públicas sem corrupção”. “Não vou decepcionar, vou valorizar a família e as leis”. Na educação, diz, vai buscar valorizar os professores; na saúde, os médicos, além se voltar à prevenção e política de combate a endemias; na segurança, ações preventivas e repressivas e investir em clínicas de recuperação de dependentes químicos.

Acrescentou também que sua atuação na Polícia Militar lhe deu experiência, característica, segundo ele, necessária para administrar Campo Grande. “Para atrair investimentos, usar a meritocracia, implantar programas e estabelecer prazos para resolver os problemas”, disse.

Bolsonaro – Coronel Davi também comentou sobre o colega de partido, Jair Bolsonaro. Considerado polêmico, o parlamentar é tido por Davi “uma pessoa que tem coragem de defender seus pontos de vistas sem hipocrisia”. “É o que farei em Campo Grande”.

O deputado Bolsonaro, por sua vez, disse que existem bons candidatos em outros partidos, mas que tanto ele quanto Coronel Davi “vão defender os princípios cristãos e da família”. “Vamos respeitar as crianças nas escolas, sem política de gênero e o prefeito vai valorizar o professor”. Defendeu também que os estudantes precisam ter mais deveres do que direito.

Presidente nacional do PSC, Pastor Everaldo veio a Campo Grande para o lançamento da pré-candidatura na Capital. Para ele, o deputado estadual é uma referência em Mato Grosso do Sul. “Ele será uma alternativa para transformar a cidade. Toda a cidade precisa de educação, saúde e mobilidade urbana de qualidade. Na segurança, ele dará um toque especial porque é especialista na área”.

A visita de Bolsonaro e do presidente nacional durou dois dias. Ao chegar no Aeroporto Internacional de Campo Grande, o deputado federal foi recebido por vários simpatizantes, principalmente jovens, que o apoiam na possível candidatura em 2018.



Pior q eu sou a favor de Bolsomito, pois ja vi tantos desastres nestes últimos anos que chega de demagogias!!! Mudanças já!!!
 
Teia em 10/06/2016 14:57:27
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions