ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
ABRIL, TERÇA  23    CAMPO GRANDE 31º

Política

Futuro governador, Riedel diz que está “aberto ao diálogo” com novo presidente

Em MS, Bolsonaro obteve 880.606 votos, quase a mesma votação de Riedel, que saiu das urnas com 808.210 votos

Anahi Zurutuza | 30/10/2022 19:57
Campo Grande News - Conteúdo de Verdade
Eduardo Riedel (PSDB) durante coletiva de imprensa no TRE-MS. (Foto: Alex Machado)
Eduardo Riedel (PSDB) durante coletiva de imprensa no TRE-MS. (Foto: Alex Machado)

Futuro governador de Mato Grosso do Sul, Eduardo Riedel (PSDB) diz estar “absolutamente aberto ao diálogo” e que, apesar de apoiar Jair Bolsonaro (PL) desde o início da campanha, não terá problemas em sentar-se com Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o presidente eleito, para discutir políticas públicas e projetos para o Estado.

“Sempre falei que quem estivesse naquela cadeira tinha a responsabilidade de conduzir o Estado e não será diferente com Lula”, afirmou durante coletiva de imprensa no TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul), logo após estar matematicamente eleito governador.

Riedel também disse que não acredita que Lula se negará a contribuir com Mato Grosso do Sul.

No Estado, Bolsonaro obteve 880.606 votos, quase a mesma votação de Riedel, que saiu das urnas com 808.210 votos. O atual presidente conquistou 59,49% do eleitorado sul-mato-grossense. Lula, o eleito, teve 599.547 votos em MS, 40,51% da preferência do eleitorado.

Os percentuais obtidos por Bolsonaro e Riedel também são parecidos, já que o tucano ficou com 56,90% dos votos válidos, vencendo outro bolsonarista, o Capitão Contar (PRTB), que teve 612.113 votos, 43,10% do total.

Nos siga no Google Notícias