A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 17 de Agosto de 2017

16/03/2016 13:08

Geraldo Resende confirma saída do PMDB e filiação amanhã no PSDB

Leonardo Rocha
Geraldo Resende vai se filiar amanhã no PSDB (Foto: Divulgação)Geraldo Resende vai se filiar amanhã no PSDB (Foto: Divulgação)

O deputado federal Geraldo Resende confirmou sua filiação amanhã (17) ao PSDB, aceitando o convite do senador Aécio Neves (PSDB-MG) e do governador Reinaldo Azambuja (PSDB). Ele estava há nove anos no PMDB e alega que um dos motivos da sua saída, foi o não rompimento do partido com o Governo Federal.

Geraldo revelou que estará amanhã em Campo Grande, quando vai conversar com o ex-governador André Puccinelli (PMDB), para anunciar a sua saída. "Vou falar com o André (Puccinelli) para dar a devida satisfação, deixarei muitos amigos em um lugar que fui muito bem tratado, mas agora vou seguir outro caminho", disse ele.

O deputado ponderou que ficou decepcionado com o partido, por este não romper de forma imediata com a presidente Dilma Rousseff (PT), preferindo esperar por mais 30 dias. "Foi uma decisão muito dúbia, eu esperava além do rompimento, a defesa pelo impeachment da presidente, fato que não ocorreu".

Ele ainda alegou que vai seguir seu projeto político, de ser candidato a prefeito de Dourados, agora tendo o apoio do governador do Estado. "Fiquei muito lisonjeado com o convite que recebi, caso seja eleito vou fazer esta parceria com o governo estadual, além de ser um retorno ao PSDB, partido que ajudei a formar no Estado".

O parlamentar explicou que a princípio fará uma filiação formal amanhã ao PSDB, sem marcar solenidade ou evento no partido, deixando este evento para o mês de abril. "Foi de última hora, então ficou complicado de organizar e realizar algo maior".

Geraldo tinha realizado uma convenção prévia este ano no PMDB, onde teve o apoio dos 45 filiados da direção municipal, para ser o pré-candidato do partido a prefeitura de Dourados. Como seu nome já estava cotado, outras lideranças da legenda inclusive procuraram outro caminho, como o ex-deputado federal Marçal Filho, que foi para o PSDB e a vereadora Délia Razuk, que seguiu para o PR.

Balanço - O PSDB é o partido que mais se beneficiou com a janela partidária, em Mato Grosso do Sul. Conseguiu três novos vereadores em Campo Grande, deixando seu grupo com cinco integrantes. Na Assembleia teve a adesão de dois deputados, formando a maior bancada da Casa de Leis, com sete parlamentares. Com a aquisição de Geraldo Resende, passa a ter dois representantes na Câmara Federal.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions