A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

01/03/2011 07:45

Governador e prefeito não têm agenda pública nesta terça

Fabiano Arruda

Hoje é ponto facultativo por conta do falecimento da ex-deputada Celina Jallad

Governador comparece a velório para dar apoio ao ex-governador Wilson Barbosa Martins. (Foto: João Garrigó)Governador comparece a velório para dar apoio ao ex-governador Wilson Barbosa Martins. (Foto: João Garrigó)

Por conta do ponto facultativo, decretado ontem, em virtude da morte da ex-conselheira do TCE/MS (Tribunal de Contas do Estado), o governador André Puccinelli e o prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho, ambos do PMDB, não têm agenda pública prevista para esta terça-feira.

O único compromisso divulgado é a presença do prefeito no cemitério Parque das Primaveras, às 10 horas, quando ocorre o sepultamento de Jallad. O mesmo deve ser feito pelo governador.

Na noite de ontem, Trad e Puccinelli compareceram ao velório de Celina, realizado no saguão da Assembleia Legislativa, bem como diversos políticos que marcaram presença no local para deixar as condolências a amigos e familiares de Jallad.

Decreto E nº 1/2011 assinado em conjunto pelo presidente do TJ/MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), desembargador Luiz Carlos Santini, pelo deputado estadual Jerson Domingos (PMDB), presidente da Assembleia Legislativa, e pelo governador do Estado, André Puccinelli (PMDB), oficializou o luto de três dias nas repartições dos três poderes, além do ponto facultativo para hoje, por conta da morte da ex-deputada estadual.

As atividades foram suspensas desde ontem e permanecem assim hoje nas repartições. Na quarta-feira, as atividades voltam ao normal.

O decreto também suspende as aulas na rede estadual de ensino em todo Mato Grosso do Sul nesta terça.

As unidades e serviços considerados essenciais, que por sua natureza não possam ser interrompidas, terão expediente normal, como hospitais.

A ex-conselheira do TCE/MS (Tribunal de Contas do Estado) morreu, aos 64 anos, na madrugada de ontem no hospital Sírio Libanês, em São Paulo, onde estava internada devido a aneurisma da aorta dissecante que sofreu ontem.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions