A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 18 de Setembro de 2018

29/08/2018 08:49

Justiça já aprovou candidatura de cinco candidatos ao governo de MS

Dos 526 candidatos do Estado, 163 já foram considerados aptos para disputar a eleição deste ano

Leonardo Rocha
Sede do TRE-MS em Campo Grande (Foto: Arquivo)Sede do TRE-MS em Campo Grande (Foto: Arquivo)

O TRE-MS (Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul) já aprovou a candidatura de cinco candidatos ao governo estadual, entre eles: Humberto Amaducci (PT), José Alfredo Daniese (PSOL), Odilon de Oliveira (PDT), Junior Mochi (MDB) e Marcelo Bluma (PV). Falta apenas a avaliação em relação ao governador Reinaldo Azambuja (PSDB).

Após os registros das candidaturas, a Justiça Eleitoral avalia os nomes apresentados pelos partidos, para saber se eles estão aptos para disputa eleitoral. São analisados vários quesitos, como filiação partidária, saída de cargo público no prazo estabelecido e as condenações, que se forem de forma colegiada, podem retirar o político do pleito, em função da Lei da Ficha Limpa.

Na disputa ao Senado, dos 13 nomes registrados, a Justiça Eleitoral já liberou cinco: Dorival Betini (PMB), Humberto Figueiró (Pode), Marcelo Miglioli (PSDB), Waldemir Moka (MDB) e Nelsinho Trad (PTB). Já em relação ao cargo de primeiro suplente (Senado) aparecem mais cinco nomes aptos: Edson da Silva Almeida (PSC), Elias Camilo dos Santos (PV), José Chaga dos Santos (DEM), Laerte Tetila (PT) e Antônio Dionízio da Silva (PSB).

Na lista de segundo suplente (Senado) já foram liberados oito candidatos: Ângelo Mendes (PRB), Daniela Hall (PSD), Fernando Almeida (PPL), Giselle Marques (PT), José Roberto Jacques (PSOL), Mackson Vianna (PSC), Maria Emília Sulzer (MDB) e Terezinha Bazé (DEM). Ao todo são 13 nomes, sendo que um já renunciou: Venicio de Oliveira (Pode).

Dos 526 candidatos no Estado, até o momento 163 já foram aprovados e 12 considerados inaptos, porque renunciaram. Na lista de 16 políticos que o Ministério Público Eleitoral pediu impugnação, ainda seguem sob análise da Justiça Eleitoral. Entre eles aparecem o deputado federal Zeca do PT, que concorre ao Senado e o deputado João Grandão (PT), candidato à reeleição.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions