A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 16 de Agosto de 2017

11/09/2014 08:39

Lula participa de carreata em 4 bairros e faz ato político na Coophavilla II

Leonardo Rocha
Lula estará em Campo Grande para reforçar a campanha ao governo do senador Delcídio do Amaral (Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula)Lula estará em Campo Grande para reforçar a campanha ao governo do senador Delcídio do Amaral (Foto: Ricardo Stuckert/Instituto Lula)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) irá percorrer hoje (11), a partir das 15h30, quatro bairros da região sul de Campo Grande, em uma carreata ao lado do candidato ao governo estadual, Delcídio do Amaral (PT) e dos demais candidatos de sua coligação. Ele depois realiza um ato político por volta das 17h30, na rua Enseada, no Bairro Coophavilla II, na saída para Sidrolândia.

Está prevista a chegada de Lula por volta das 15h em Campo Grande, onde ele segue direito para o início da carreata do PT, que tem largada na Rua Panambi Verá, esquina com Avenida Gunter Hans, no Jardim Tijuca.

A saída da carreata irá acontecer às 15h30, seguindo pela rua Panambi Verá e depois continuando pela Avenida Souto Maior, onde irá passar pelos bairros Jardim Tijuca, Batistão e São Jorge da Lagoa, tendo seu destino final na rua Enseada esquina com a rua Península, na Coophavilla II.

Neste local será realizado um ato político, com a participação de todos os candidatos da coligação "MS Com a Força de Todos", que é composta por 12 partidos na eleição em Mato Grosso do Sul. Após este evento, a previsão é que o ex-presidente deixe a cidade por volta das 19h30.

A princípio a vinda de Lula estava marcada para o dia 9 de setembro (terça-feira), mas teve que ser adiada em função de agenda política. O senador Delcídio do Amaral (PT) ressaltou que sua visita irá "reforçar" a campanha da coligação. Em relação a possível vinda da presidente Dilma Rousseff (PT) para Mato Grosso do Sul, ainda não foi confirmada pela coordenação de campanha do PT.

 

Lula, Marina e denúncias viram armas da campanha em MS
Pesquisas – A tensão da campanha eleitoral deve aumentar nesta semana com a divulgação de novas pesquisas eleitorais. Pelo menos dois novos levantame...
PMDB retoma processo para mudar nome e voltar a se chamar MDB
A direção do PMDB retomou um processo interno para mudar o nome da legenda para MDB (Movimento Democrático Brasileiro), abandonando a denominação de ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions