A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

08/10/2013 12:49

Manifestantes entram em acordo com vereadores e irão deixar local

Leonardo Rocha e Kleber Clajus
Líderes se reúnem com vereadores e decidem deixar o local (Foto: Cleber Gellio)Líderes se reúnem com vereadores e decidem deixar o local (Foto: Cleber Gellio)

Cerca de 250 manifestantes ligados a mais de 12 entidades sociais e sindicais ainda permanecem no plenário da Câmara Municipal, os líderes do movimento participaram de uma reunião com os vereadores e ficou decidido que eles vão deixar o local até as 14h. Os parlamentares afirmaram que só votarão a Comissão Processante na próxima terça-feira (15).

Os sindicalistas se reuniram com os vereadores Alex do PT, Zeca do PT, Airton Saraiva (DEM), Paulo Pedra (PDT), Mário César (PMDB) e Edil Albuquerque (PMDB). “Explicamos a eles que estamos prontos para atender a população e não ao prefeito e que só adiamos a votação em função do tumulto que aconteceu durante a sessão”, afirmou Mário César.

De acordo com ele, o vereador Edil fez questão de expor aos sindicalistas a situação da prefeitura, assim como a falta de investimentos da Sedesc e da Codecom. “Defendemos a governabilidade, e uma relação harmônica com o executivo”, apontou.

Um dos líderes da manifestação, Abílio Borges, que inclusive participou da campanha eleitoral do prefeito Alcides Bernal (PP), destacou que foi feita uma “trégua” com os vereadores e que eles irão se reunir às 16h com o prefeito. “Iremos levar a ele as reivindicações da cidade e tentar mediar um diálogo entre a Câmara e a prefeitura, por hora a votação sobre a comissão não irá acontecer”, apontou ele.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions