A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

26/02/2013 13:39

Nova audiência para tratar do conflito indígena irá acontecer em MS

Paula Vitorino
Jerson pediu para que deputados mobilizem audiência. (Foto: Assessoria de Imprensa)Jerson pediu para que deputados mobilizem audiência. (Foto: Assessoria de Imprensa)

O presidente da Assembleia Legislativa, Jerson Domingos, (PMDB), convocou os deputados estaduais ligados à questão indígena para mobilizar nova audiência pública para tratar do conflito de terras em Mato Grosso do Sul.

Segundo Jerson, o pedido foi feito pelo senador Delcídio do Amaral (PT). A audiência deve contar com representantes dos produtores rurais, Funai e Governo Federal, além dos deputados estaduais.

O presidente da Comissão de Trabalho, Cidadania e Direitos Humanos, deputado Laerte Tetila (PT), será o responsável por definir a data com a agenda dos participantes.

A previsão é de que a audiência seja uma continuação do debate iniciado no ano passado, quando representantes dos mesmos setores estiveram no Estado. Agora, a discussão retoma já com algumas novas definições.

A Funai publicou o primeiro estudo antropológico, definindo que se trata de território tradicional indígena área na região de Iguatemi.

Tetila frisou que a questão está sendo prejudicada pelo atraso na votação do orçamento da União de 2013. “Ainda não foi votado e com isso não pode se abrir a rubrica de R$ 100 milhões da emenda dos senadores do Estado. Depois disso, precisa ser criado um fundo indígena nacional para repassar o recurso direto para o fundo indígena estadual”, disse.

O recurso será utilizado para indenizar fazendeiros de áreas que demarcadas como indígenas. A indenização foi apontada como melhor solução para resolver o impasse durante a última audiência realizada.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions