A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

04/04/2013 09:52

Nova pesquisa põe Nelsinho Trad na frente de Delcídio em Campo Grande

Jéssica Benitez
Nova pesquisa põe Nelsinho Trad na frente de Delcídio em Campo Grande

Nova pesquisa eleitoral, divulgada hoje, aponta o ex-prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), na frente do senador Delcídio do Amaral (PT) na preferência do eleitor da Capital para a sucessão estadual em 2014. Ele aparece com um ponto percentual de vantagem. No levantamento do Ícone, divulgado pela Rede MS Record, apontou o petista na frente com sete pontos. 

Segundo pesquisa realizada pelo Ipems (Instituto de Pesquisas do Mato Grosso do Sul), divulgada pelo Correio do Estado de hoje, a preferência do eleitor em relação ao ex-prefeito subiu cerca de 7 pontos entre os meses de fevereiro e março deste ano. No segundo mês do ano, o peemedebista apresentava 35,56% das intenções de voto. Já no mês passado, o percentual subiu para 42,13%.

De acordo com a mesma pesquisa, o efeito é contrário para o senador. Em fevereiro o petista apresentava 49,50% da preferência dos eleitores, sofrendo queda de pouco mais de 7 pontos. Em março Delcídio amargou 41,83% da intenção de votos.

Desta forma, caso a eleição para sucessão do governado do Estado, André Puccinelli (PMDB), ocorresse hoje, Nelsinho venceria a disputa. “Eu acho até um número baixo”, comentou André sobre o resultado da pesquisa. Ao ser questionado se o percentual de Nelsinho não estaria pouco satisfatório por conta de seu histórico político como prefeito de Campo Grande, o governador explicou.

“É normal que o ex-prefeito caia nas pesquisas quando acabou de sair de oito anos de mandato. Depois ele sobre novamente e se isso não acontecer, nunca mais sobe”, opinou.

A pesquisa foi realizada entre os dias 26 e 29 de março com 600 pessoas residentes em Campo Grande. A soma dos que não souberam ou não quiseram responder equivale a 16% dos entrevistados.

Linha do tempo – Ainda com base na pesquisa, Delcídio se mantém na mesma média desde o ano passado. Em novembro de 2012 o senador atingiu 49,67%, em janeiro caiu um pouco 47,67%, tornou a subir em fevereiro com 49,50%, sofrendo grande queda em março 41,83%.

Já Nelsinho encarou percentual mais instável. Em novembro ele tinha 38,50% das intenções de voto, subiu para 39% em janeiro, caiu para 35,56% em fevereiro. Em março o número se elevou para 42,17%.

Ciente de que ainda faltam quase dois anos para eleição, André mantém os pés no chão. “Ainda é muito cedo para pesquisas”, finalizou.



E uma hipocrisia falar de mensalão. No debate
Para prefeito ano passado um candidato afirmou
com todas as letras que metade das construtoras
cidade pertenciam a alguém da família Trad.
Delcídio e um administrador nato.
 
Paulo santos em 08/08/2013 02:44:36
NELSINHO TRAD foi um ótimo prefeito. E, dentre as opções, será o melhor Governador. Já provou sua competência na Administração de Campo Grande, que é uma cidade grande e com muitos problemas difíceis de lidar. Prova disso é a péssima Administração atual do BERNAL, que não tinha e não tem a mínima competência para administrar a nossa cidade. As mazelas, que já era difíceis de sanar por natureza, só estão aumentando rapidamente. E o BERNAL, coitado, não tem equipe, não tem habilidade política, só sabe reclamar, acusar e brigar (e tem gente que gosta disso!!) e a cidade vai afundando. Com certeza BERNAL será o melhor cabo eleitoral do NELSINHO, pois as pessoas vão comparar a Administração e o NELSINHO vai ganhar de lavada. Tanto é que não se vê mais o DELCÍDIO nem o AZAMBUJA com o BERNAL...
 
Douglas Gomes em 05/04/2013 01:36:00
Uma coisa é fato, Nelsinho fez muito mais por Campo Grande do que o tal do Delcídio/PT/MENSALÃO, que além de não ter feito nada pela capital, muito menos fez por Corumbá sua cidade natal, aliás o sr. Delcídio/PT/MENSALÃO, que já foge do "prefeito do povo/radialista", claramente vendo o seu erro em apoia-lo deveria se manifestar em relação a sua promessa conjunta em campanha para a prefeitura em relação a tarifa do transporte coletivo que seria reduzida R$ 0,25 e que já declarada irá pra R$ 3,00 em outubro. As promessas não cumpridas começaram cedo.
 
Jefferson Fonseca em 05/04/2013 01:34:05
Posso até não confiar muito em pesquisas de opinião, mas de uma coisa não tenho dúvida: eu confio plenamente no prefeito Nelson Trad Filho, que está fazendo muita falta.
 
Eduardo Augusto Gutierrez em 04/04/2013 18:10:40
não sei de onde tiram esses numeros, tenho 35 anos e nunca fizeram nenhuma pesquisa comigo, e não conheço nenhuma pessoa que foi pesquisado. tudo lorota.
 
rogerio ferreira em 04/04/2013 17:31:16
O único defeito do Delcídio é o partido dele...PT!
 
Érico Correa em 04/04/2013 16:38:49
A população campo grandense certamente não irá incorrer em mais outro erro. Da mesma forma os demais sul mato grossenses também acompanharam a extraordinária administração realizada por Nelsinho Trad que será o futuro governador.
 
Alicio Mendes em 04/04/2013 16:35:19
A POPULAÇÃO AGORA ESTA COMEÇANDO A CONHECER O EX-PREFEITO QUE TIVEMOS. O BERNAL ESTÁ MOSTRANDO PARA TODO MUNDO ESSA ILUSÃO CRIADA SOBRE CAMPO GRANDE PELOS EX GOVERNANTE, PORISSO QUE É ATACADO, ELE SÓ ESTA TENTANDO GOVERNAR DENTRO DA REALIDADE, SEM ILUSÃO E SEM FARSA. O HOSPITAL DO CANCER É O INICIO DO NOVELO DE IRREGULARIDADES. O MPE E MPF TEM OBRIGAÇÃO DE INVESTIGAR E DAR UMA SATISFAÇÃO PARA A POPULAÇÃO A RESPEITO.
 
CELSO MARLEI DOS SANTOS em 04/04/2013 16:12:26
Por essa pesquisa não dá para dizer muita coisa, pois a diferença entre eles é mínima, configurando um empate técnico. De qualquer forma, ainda há muito tempo até a eleição. Tudo ainda é especulação.
 
Eduardo Figueiredo em 04/04/2013 15:59:51
Pior que não é invensão a Aliança entre eles vai existir é quase Inevitavél. Mais o Nelsinho tem atuação bem melhor quando se fala em trabalho no Estado, além de ser forte nos municipios mais populoso do estado Nelsinho e Delcidio vão Duelar nesses numeros até miados das eleições de 2014. Dai vamos decidir quem será o Governador, vamos analisar bem para Não errar novamnete, Embora esses dois tem trabalhos excelentes. Por nosso Estado. Vamos ver para mim qualquer dos dois que forem Governador que sejam bem vindos.
 
Demilson Diaz em 04/04/2013 15:04:21
Começaram cedo a brincadeira das pesquisas, no ano passado foi idêntico.

Afinal, do que valem as pesquisas agora se a eleição é somente em outubro do próximo ano. Acredito que seja uma forma de manterem quem nao esta em cargo publico na midia para nao cair em esquecimento, se o Nelsinho foi um bom prefeito o povo de Campo Grande ira reconhecer, caso contrario não. Deveriamos nos preocupar em ter mais espaço para problemas e soluçoes do dia-a-dia e nao provocarmos situações para este ou aquele lado. Temos em curso a negociaçao salarial dos servidores estaduais que nao se tem noticia, temos as denuncias do Hospital do cancer em CG, que simplesmente nao se fala mais, CPI da saude, o que aconteceu com a onde de violencia da cidade no mes passado? onde estao estas informaçoes?
 
Orivaldo Mundim em 04/04/2013 14:13:18
Para os descrentes, este instituto acertou todas as pesquisas das últimas eleições...se informem!
 
Patrícia Nicolau em 04/04/2013 14:11:22
Nelsinho ou Azambuja, PT JAMAIS!
 
Antônio Ferreira em 04/04/2013 14:10:01
O IPEMS é o o instituto que deu, nas eleições do ano passado, o Reinaldo Azambuja com 8% dos votos. E, na apuração do Reinaldo Azambuja, teve quase 30% dos votos?
É sempre assim, o IPEMS pesquisa o Correio do Estado divulga.
 
João Felinto em 04/04/2013 11:30:01
Bom dia, Serio que vamos divulgar pesquisas tendenciosas, a mais de 3 anos atentes da eleição. Se for falta de outras coisa, aqui na Coophasul tem um monte de buracos na ruas que s~~ao noticia melhor.
 
Ricardo Patay em 04/04/2013 11:22:15
AS PESSOAS SABEM QUE AGORA É TUDO NELSINHO. TEMOS SAUDADES DOS TEMPOS DO PREFEITO NELSINHO
 
ELY MONTEIRO em 04/04/2013 10:56:51
Da onde inventam essas pesquisas?
 
Moacyr Neto em 04/04/2013 10:21:15
Sinceramente? Não confio nessas pesquisas.
 
Janaína Vieira em 04/04/2013 10:17:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions