ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, SEGUNDA  06    CAMPO GRANDE 27º

Política

Novo Prodes amplia acesso a incentivos fiscais para pequenos empresários

Após 20 anos, texto é reformulado com a promessa de triplicar número de projetos entregues na pasta

Por Gabriela Couto e Nyelder Rodrigues | 15/10/2021 11:43
Novo Prodes foi sancionado na Câmara Municipal, nesta sexta-feira. (Foto Henrique Kawaminami)
Novo Prodes foi sancionado na Câmara Municipal, nesta sexta-feira. (Foto Henrique Kawaminami)

Foi sancionada hoje (15), a nova lei do Prodes (Programa de Incentivos para o Desenvolvimento Econômico e Social de Campo Grande). O prefeito Marquinhos Trad (PSD) participou de uma solenidade na Câmara Municipal para assinar o documento que coloca o texto em vigor.

A medida moderniza a lei criada há 20 anos e dá mais celeridade ao processo. O secretário Municipal de Inovação, Desenvolvimento Econômico e Agronegócio, Rodrigo Terra, explica que o apoio aos pequenos e microempreendedores será ampliado.

"A porcentagem da isenção vai depender de avaliação técnica da Câmara e da Codems. Quanto mais emprego gerar, quanto maior o investimento, maior a isenção", completa Terra.

Diferente do que pode parecer de pronto, a concessão de isenção acaba aumentando a receita, já que ela abre portas para novos negócios que ainda não existiam. "Isso impulsiona a receita da prefeitura e faz economia gerar, dinheiro rodar e, no final das contas, a prefeitura arrecadar mais com impostos", frisa o secretário, acreditando que a abertura para mais empresas deve triplicar a procura ao Prodes.

O secretário de Finanças e Planejamento, Pedro Pedrossian Neto, mostrou otimismo com a nova lei. "Difícil estimar o impacto que isso vai trazer à cidade, mas é óbvio que ele será positivo. Esperamos que a procura pelo Prodes seja positiva, pois estamos estimulando os empresários, sobretudo os que estão em Campo Grande e querem ampliar os negócios. Melhor de tudo que tudo e feito sem custo para a Prefeitura."

Para o prefeito, o novo Pordes irá ajudar a economia nesse momento pós-pandemia. "Pandemia avassalou classe média e pobres, os grandes só ganharam. Não tem nada a ver com ser de esquerda, direita, centro. É ser por Campo Grande. Ninguém está tirando nada de ninguém, só oportunizando direitos a todos".

Prefeito Marquinhos Trad (PSD) durante lançamento do novo Prodes. (Foto Henrique Kawaminami)
Prefeito Marquinhos Trad (PSD) durante lançamento do novo Prodes. (Foto Henrique Kawaminami)

Um dos motivos apontados pelo prefeito para a baixa procura de pequenos empreendimentos no Prodes é que eles precisavam contratar consultores para elaborar projeto, o que inviabilizava a busca por incentivo fiscal. Agora, isso não é mais necessário.

"Se você bobear, vem alguém com uma Drogasil e te envelopa. Tá ficando chato, os pequenos estão sumindo", apontou Marquinhos para falar sobre a importância de manter e incentivar os menores empreendimentos.

Um dos beneficiados com o programa, é o empresário Alexandre Barbosa. "Ajuda muito a gente, porque precisamos de espaço físico e não conseguimos isso em outros lugares", destacou.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário