A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 20 de Agosto de 2017

30/04/2017 13:40

Obras estão dentro do prazo e terão garantia de 5 anos, diz Marquinhos

Prefeito esteve na obra da rotatória da Avenida Mato Grosso

Leonardo Rocha
Prefeito Marquinhos Trad faz vistoria na obra da rotatória da Avenida Mato Grosso (Foto: Leonardo Rocha)Prefeito Marquinhos Trad faz vistoria na obra da rotatória da Avenida Mato Grosso (Foto: Leonardo Rocha)

 O prefeito Marquinhos Trad (PSD) vistoriu algumas obras em Campo Grande, neste domingo (30), para saber se os prazos estão sendo cumpridos, principalmente em função das chuvas dos últimos dias. Ele disse que todos os projetos precisam ser feitos com cuidado, para ter garantia de ao menos cinco anos.

"Passei por várias obras e todos os planejamentos estão sendo feitos e cumpridos pelos técnicos, temos que entender que a chuva tem atrapalhado um pouco, mas todos estão dentro do prazo previsto", disse o prefeito, durante vistoria, na obra da rotatória da Avenida Mato Grosso, com a Via Parque.

Ele ainda ponderou que todas as obras em sua gestão, terão garantia de ao menos cinco anos e que o pedido é que se faça com cuidado e "bem feito", para que não haja recurso público sendo desperdiçado na cidade. "Temos tido este cuidado, até para que não se faça um asfalto por exemplo e depois de um tempo ele fique aberto de novo".

Para obra da rotatória da Avenida Mato Grosso, o prazo dado pela prefeitura foi de 70 dias. "Esperamos que seja cumprido, sabemos por exemplo que quando chove, perde o dia de trabalho e o posterior, já que o local continua molhado, se fizer assim, o asfalto pode ter problema, tem que esperar".

O prefeito diz que nas suas vistorias não encontrou nada de irregular, no campo de trabalho. "Está tudo correndo bem, o planejamento dos funcionários está sendo cumprido, mas tem as ações inesperadas (chuvas), que foge ao controle". (Veja o vídeo abaixo)

Obra - O projeto da rotatória da Avenida Mato Grosso está sendo executado em parceria da Prefeitura de Campo Grande, com o governo estadual. As obras tiveram início no dia 20 de março, com a expectativa de serem finalizadas em 70 dias. A intenção é retirar dois metros de cada lado do canteiro, ampliando espaço para que a avenida fique com três faixas nos dois sentidos e melhore o fluxo de veículos.

As alterações no canteiro central da Mato Grosso abrangem, a partir da rotatória, 80 metros no sentido da Avenida Ceará e até a Avenida Antônio Teodorowich, sentido bairro Carandá Bosque. Também está previsto a instalação de semáforos no cruzamento.

Os recursos no valor de R$ R$ 1,6 milhão, são do Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito). A interdição deve durar 70 dias para instalação de semáforos, redução das áreas dos canteiros centrais e da rotatória, além da criação de uma terceira pista nos dois sentidos.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions