A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

27/09/2012 16:57

Odiados, cavaletes motivam mais de 1/3 das denúncias ao TRE

Nicholas Vasconcelos

Justiça Eleitoral alerta que destruir equipamento é crime com direito a prisão e multa

Cavaletes são principal reclamação de eleitores junto ao TRE. Destruir esse tipo de propaganda é crime, alerta Justiça (Foto: Rodrigo Pazinato)Cavaletes são principal reclamação de eleitores junto ao TRE. Destruir esse tipo de propaganda é crime, alerta Justiça (Foto: Rodrigo Pazinato)

Os cavaletes de propaganda eleitoral se tornaram os campeões de reclamações junto ao TRE (Tribunal Regional Eleitoral) nestas eleições. Até o dia 17 de setembro, o Disque-Denúncia do Tribunal havia recebido 219 reclamações, 75 delas referentes ao uso dos cavaletes.

As denúncias são referentes à presença das propagandass nas calçadas, canteiros e praças entre as 22h e as 6h, o que é proibido pela legislação. Fora as denúncias encaminhadas ao Tribunal, na internet se espalham as campanhas pedindo para que o eleitor chute ou piche os cavaletes como forma de protesto, pela poluição visual que esse tipo de propaganda causa.

O que pouca gente sabe é que qualquer tipo de depredação a essas placas pode resultar em multa e até em prisão dos envolvidos.

De acordo com o juiz da 35ª Zona Eleitoral de Campo Grande, Flávio Saad Perón, qualquer pessoa que for vista atacando um cavalete pode ser preso e obrigado a pagar multa. Isso acontece porque os cavaletes são previstos na Lei das Eleições e a danificá-los é considerada crime de perturbação da propaganda eleitoral permitida.

O próprio juiz discorda do uso do chamado "santinho gigante", mas afirma que é obrigado a obedecer ao que é definido pela legislação. “Eu acho horroroso, acho feito e polui a cidade, mas a lei permite. Fazer o quê?”, afirmou o juiz que é responsável pela fiscalização da propaganda da Capital.

A lei 9.504 autoriza a instalação de propagandas móveis, como cavaletes, bonecos, cartazes, mesas ao longo das vias publicas, desde que sejam móveis e não atrapalhem o trânsito de veículos e pedestres.



Bom para as empresas de publicidade que devem estar faturando alto!!!!
 
João M Souza em 28/09/2012 11:26:28
Esse povo reclama de tudo, já tiraram os comícios, as camisetas as comidas de campanha eleitoral, agora estão questionando as placas só por Deus, deixa os
candidatos fazerem suas propagandas, pois a propaganda é a alma do negocio.
 
Monica Pereira em 28/09/2012 11:19:18
A melhor solução que vi até agora foi a de um candidato que preferiu retirar os seus "benditos" cavaletes, justamente por reclamações dos eleitores, e espalhar lixeiras com seu adesivo pela cidade!
Ótima iniciativa para auxiliar na limpeza da cidade!!!
 
Caroline Nunes em 28/09/2012 11:09:57
olha gente nao sei quaanto custou mas tem um candidato a vereador tal de nigres que gastou uma nota com plaquinhas. tem por todas as avenidas principais e sao um monte de dez em dez metros. esse gasto com força..
 
carlos alexander em 28/09/2012 09:41:39
Estive em São Paulo em Barueri e vi muito cavalete, aqui é só um aqui outro ali, parece que os candidatos estão precisando de uma boa ajuda financeira.
 
Irene Roque Domingos Bianco em 28/09/2012 09:12:01
UMA EMPRESA QUE GERA EMPREGO, GERA RENDA, GERA RECOLHIMENTO DE IMPOSTOS, PARA ISSO É PROIBIDO, A PREFEITUTA ALEM DE TIRAR ELA MULTA AS EMPRESAS, SE OS LETREIROS DAS LOJAS NO CENTRO DE CAMPO GRANDE É POLUIÇÃO VISUAL, O QUE SERIA ESSES CAVALETES DE POLITICOS? ESSES CAVALETES ATRAPALHA OS PEDESTRES, OS MOTORISTAS E CAUSAM ACIDENTES.....ISSO É UMA VERGONHA.. POR ISSO QUE TEMOS QUE MUDAR.
 
JOSE ROBERTO em 28/09/2012 07:45:55
Eu sou um crítico aos políticos de hoje, no entanto essa reclamação de cavaletes é meio duvidoso; a pessoa deve está com problemas, não vejo em que essas coisas atrapalharia o trânsito ou visibilidade nas vias. 1 carro de som na sua rua encomoda, uma rua sem nome também, mas isso, tenha paciência.
 
luiz alves em 28/09/2012 07:24:14
Horrivel.eu quero chutar!!
 
Sergio Lima em 28/09/2012 07:20:41
Interessante é que as propagandas de empresas nos outdoors estão sendo proibidas, e essas porcarias de placas sujam e deixam a cidade com aspecto horroroso, isso pode por ser "época especial" sendo assim devem liberar todo tipo de propaganda no Natal, é outra época especial não é Senhor Nelson Trad Filho!?????
 
Oswaldo Benites em 27/09/2012 11:38:16
boa noite,
Ninguém nunca está contente com nada, MUITO MELHOR ESSA POLUIÇÃO ATÉ PRA VER A FISIONOMIA DOS CANDIDATOS DO QUE A CIDADE SUJA COMO NUM PASSADO RECENTE, DE SANTINHOS, PAPEIS, FIGURAS, BANNERS, FAIXAS, E TANTA GENTE JOGANDO PAPEL FORA....GENTEM, VAMOS RACIOCINAR COM ETICA POLÍTICA, COM A LEITURA DA LEI QUE FOI APROVADA E COM O AVAL DE TODOS NÉ?
ABRAÇOS
 
Loadir Ap. Silva em 27/09/2012 09:23:53
Poluição com cavaletes de candidatos pode em Campo Grande... Já os empresários tiveram que se "virar nos 30" para "limpar" as fachadas do comércio (que diga-se de está horripilante). E o prefeito inerte... Fazer o que, né? Aqui a lei tem dois pesos e duas medidas!
 
Janete Maciel em 27/09/2012 09:09:20
Na Av Hiroshima colocam bem no meio do canteiro de forma que dificulta a visão dos motoristas que fazem o retorno do parque dos poderes. Pode causar acidentes.
 
Fernando Alves em 27/09/2012 08:58:34
E melhor os cavaletes do que aquelas antigas propagandas que emporcalhavam a cidade, pixachoes, postes e etc. Se não houver esse tipo de propaganda como ficara as eleições? Onde poderão fazer a propaganda para atingir publico geral? Isso e ônus da convivência em sociedade
 
JURANDIR Rodrigues brito em 27/09/2012 08:50:10
A legislação eleitoral realmente permite a colocação de propagandas eleitorais, porém não devemos esquecer que o código de posturas de nosso municipio as proibe..
Nosso prefeito esta fazendo vistas grossas e declarou que é uma época especial..
Lembro que o prefeito é chefe do poder executivo, portanto não faz leis nem abre excessões, deve simplesmente cumprir leis aprovadas pelo legislativo.
 
José Inácio em 27/09/2012 08:39:50
Esses aí da foto são pequenos. Grandes são os que estão no centro da cidade, Av. Afonso Pena, esquina com a rua Treze de Maio. Cavaletes com aproximadamente 1.70 a 1.90 de altura.
 
Marcelo Max em 27/09/2012 07:08:28
Não voto no pessoal do cavalete que está poluindo nossa cidade. Dinheiro jogado fora. Não muda opinião do eleitor.
 
Emersom Floriano em 27/09/2012 06:43:18
Com as ventanias que estamos tendo, se tornam um perigo ao trânsito. Hoje pela manhã havia um espatifado ao chão na Av. Afonso Pena (esq. Via Parque).
 
Fabiano Andrade em 27/09/2012 05:21:42
É muito dinheiro público usado pra nada nada! Além de odiarmos essa época de propagandas políticas, somos obrigados a financiar essa baixaria. Se realmente quiserem fazer algo pelo povo, por sua cidade, por seu pais, as pessoas deveriam faze-lo por ideiais de altruismo, abnegação.
 
Ramao Junior em 27/09/2012 05:14:15
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions