ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUINTA  23    CAMPO GRANDE 25º

Política

Pollon diz que não vai desistir de candidatura própria em Campo Grande

Deputado federal e presidente do partido em MS recorre a líder partidário para definir futuro da legenda

Por Gabriela Couto | 21/02/2024 19:58

Dono do apoio mais cobiçado dos partidos de Mato Grosso do Sul, o ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), se reuniu nesta quarta-feira (21) com o presidente do diretório regional do PL e deputado federal, Marcos Pollon (PL), para tratar das eleições deste ano.

Por meio de uma transmissão de vídeo ao vivo nas redes sociais, Pollon resumiu como foi o encontro com o líder partidário e garantiu que vai tentar de todas as formas fazer vingar candidatura própria em Campo Grande. “Sei que está todo mundo bastante ansioso em relação ao posicionamento do PL em Campo Grande. Eu falei que era uma decisão exclusiva do presidente Jair Bolsonaro e que não me envolveria para não influenciar, porque não queria contaminar a decisão”, explicou, antes de dizer que mudou de ideia.

Nos últimos dias, dois nomes foram divulgados como pré-candidatos do partido na Capital. Em entrevista a uma rádio, na semana passada, Bolsonaro disse que apoiaria o nome do deputado estadual João Henrique Catan (PL), mas nesta quarta-feira (21), afirmou que está articulando apoio à candidata da amiga e senadora Tereza Cristina (PP), que trabalha na reeleição da prefeita Adriane Lopes (PP) para Campo Grande.

Pollon disse que vai participar da articulação política e não apenas elencar as qualidades dos quadros disponíveis na legenda. “O presidente reiterou que preferencialmente construiremos uma candidatura em Campo Grande. Vou me reunir com o presidente do partido, o Valdemar [Costa Neto], e trabalhar para que isso aconteça. Vamos ver como essa construção se desenrola. O maior partido do Brasil tem condições sim de disputar de forma viável uma prefeitura de uma capital tão importante como Campo Grande”.

Dentre as possibilidades ele citou os nomes dos deputados estaduais João Henrique Catan e Carlos Alberto David, o Coronel David, que são do mesmo partido, além do deputado estadual cassado Rafael Tavares (PRTB) que irá se filiar ao PL.

Ele acrescentou ainda que está fora da lista de prováveis nomes de pré-candidatos. Optou por concluir o mandato dele, mas que se tiver alguma determinação expressa para que ele participe do pleito, irá acatar a decisão por lealdade.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias