A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

26/09/2012 15:55

Por descumprir decisão do TRE/MS, diretor do Google é detido em SP

Nadyenka Castro

Por determinação do TRE/MS (Tribunal Regional Eleitoral), o diretor geral do Google Brasil, Fábio José Silva Coelho, foi detido nesta quarta-feira pela PF (Polícia Federal), em São Paulo, pelo crime de desobediência. Ele será liberado ainda hoje.

A prisão do diretor foi determinada na semana passada (dia 20) pelo juiz Flávio Saad Perón, da 35ª Zona Eleitoral de Campo Grande porque a empresa não tirou do YouTube, plataforma de compartilhamento de vídeos, material considerado ofensivo a Alcides Bernal (PP), candidato a prefeito da Capital.

Os vídeos o colocam como incentivador da prática de aborto, além de afirmam que têm relação com crimes de embriaguez, lesão corporal contra menor, enriquecimento ilícito e preconceito contra os mais pobres.

Os advogados do Google recorreram, mas a decisão foi mantida e virou notícia internacional. Jornais de vários países apontaram a determinação como uma afronta à liberdade de expressão na internet.

Conforme nota encaminhada pela PF, Silva Coelho deverá assinar Termo Circunstanciado de Ocorrência e em seguida liberado. “Por se tratar de um crime de menor potencial ofensivo, apesar de trazido para a Polícia Federal, ele não permanecerá preso. Será lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência, com a oitiva do conduzido e sua liberação após a assinatura do compromisso de comparecer perante a Justiça”

O Termo Circunstanciado de Ocorrência vale para todos os crimes de menor potencial ofensivo. No caso do crime de desobediência, a pena é de até um ano de detenção.

PF aguarda Justiça Eleitoral de SP para prisão de diretor do Google
O mandado de prisão expedido pela Justiça Eleitoral de Campo Grande contra o diretor do Google já está com a PF (Polícia Federal) de São Paulo. No en...
Notificada, Embratel diz que vai cumprir decisão sobre acesso ao YouTube
A assessoria de imprensa da Embratel informou que foi notificada nesta terça-feira (25) pela Justiça Eleitoral e deve vetar o acesso ao site de vídeo...
Justiça Eleitoral manda Embratel tirar Youtube do ar em Campo Grande
Site descumpriu liminar para remoção de vídeos com denúncias contra BernalA Justiça Eleitoral determinou que o site Youtube seja retirado do ar por ...
Google entra com recursos e vídeos contra Bernal continuam no ar
Justiça Eleitoral manteve decisão para prender diretor de empresaCom prisão do diretor decretada pela Justiça Eleitoral, o Google recorre para mante...


Recado para os "adoradores" governistas: Com absoluta certeza, se a situação fosse inversa, tanto o o povo do Parque, quanto o povo do Paço Municipal fariam a mesma coisa. E estariam certos. Por mais democráticos que possam ser nosso regime de governo e nossas leis, respeito e honra são valores "imaculáveis".
 
Fernando Silva em 26/09/2012 10:25:02
... sua rejeição só aumenta a cada dia, e se Deus quiser ele tomará uma bomba no segundo turno. Finalmente as pessoas estão aprendendo a reagir contra as podridões desse país. Acusar é muito fácil, quero ver provar.
 
Fabiana Rocha em 26/09/2012 09:05:11
Pessoas, políticagem à parte, o Bernal antes de ser um candidato é um ser humano, e todo ser humano merece respeito! Ninguém tem o direito de sair expondo a vida dos outros por puro DESPEITO! Isso é baixaria demais, se o Giroto fosse mais inteligente, usaria o tempo dele para se promover com suas propostas e seus trabalhos, mas ele preferiu partir p baixaria, a resposta é nítida...
 
Fabiana Rocha em 26/09/2012 09:01:41
Não acho justo, e se ele ainda fosse somente o radialista, teria tido essa revolta toda? Ele continua sobre tudo humano, como, eu, voces ou qualquer outro sujeito a passar por esse constragimento.
 
eliany guimarães em 26/09/2012 09:00:33
... aonde esta, então não sejam hipócritas e sim conscientes de que a real situação aqui mostrada é válida para qualquer um, assim como em matérias anteriores do Campo Grande News, onde pessoas comuns ganharam na justiça por danos morais de uma determinada loja, onde outro ganhou por danos materiais em um grande supermercado atacadista e assim por diante,agora querer denegrir a imagem do candidato
 
eliany guimarães em 26/09/2012 08:57:42
... mais arborizada e planejada, e para os demais que acha que o canditato é um ditador, vivam o que ele esta vivendo no momento, é fácil falar não é mesmo? Precisamos sim de mudança no Poder, falaram muito da atual Presidenta, mas ela chegou onde quis e onde o povo a colocou e muitos outros com vergonha de dizer que não votou, agora mentem dizendo ser a candita por quem lutou para que estivesse..
 
eliany guimarães em 26/09/2012 08:54:25
Fico impressionada com tamanha falta de informações destes caros leitores abaixo, o video foi sobre uma acusação falsa, quarquer ser com caráter, seja ele leigo ou não irá defender a sua imagem e princípios diante desta acusações, caro leitor Rafael Franke,por ter gente com mente pequena como vc é que coloca a minha cidade Campo Grande como escória, sendo considerada uma das melhores cidades...
 
eliany guimarães em 26/09/2012 08:50:15
Quem nao deve nao teme! Pra que si preucupar tanto com um videozinho caseiro...! DIRETOR DA GOOGLE tamu junto! Só falta prender o diretor do campograndenews do ar pora causa dos comentarios a favor da google tambem...rsrsrs!
 
William Silva em 26/09/2012 07:08:12
Concordo com o Pedro se o mandaram prender o diretor do Google por um video de sabe-se lá quem fez! Imagina esse homem eleito? Campo Grande siticada! Ai de quem ousar falar do todo poderoso!
 
Anna Gonçalves em 26/09/2012 06:08:58
O problema não é a prisão do diretor do google, isto foi só a consequencia do não cumprimento da ordem judicial. Os vídeos em questão não provam as denúncias feitas, ou seja, são ilegais. A google foi notificada para retirar os vídeos, e não cumpriu. Foi notificada novamente, mediante possível prisão e mesmo assim não cumpriu. Lei é lei, não importa para quem seja. E a ordem judicial foi cumprida.
 
ricardo silva em 26/09/2012 05:56:05
Que vergonha, mais uma vez Campo Grande é notícia por seu provincialismo e falta de democracia.
 
Ricardo Farias em 26/09/2012 05:06:17
Absurdo. Neste caso, literalmente, em vez de agir contra a mensagem, atacam o mensageiro. O que o Google tem a ver com este filminho? Se tinha alguma coisa de ilegal com o filminho, que prendem quem filmou, produziu, postou no Youtube, ou seja: prenda quem é responsável pela divulgação. Pedir do Google retirar nem adianta, pois quem postou ia postar de novo. Isso é tapar o sol com a peneira mesmo!
 
Marcos da Silva em 26/09/2012 05:01:50
Pronto! Agora somos notícia no mundo todo!
Ficamos conhecidos como paises Irã, China, Coréia do Norte e outros paises que gostam de esconder tudo para seu povo.
Evidentemente, os responsáveis pelo vídeo postado, QUE A GENTE SABE QUEM É, e tava em segundo lugar, deve estar se esborrachando de dar risada.
Lamentavelmente nosso país esta se nivelando pelos piores em censura.
 
Elviria Santos Ferreira em 26/09/2012 04:48:09
Só no Brasil que acontece de nós brasileiros sermos impedidos de conhecer através de outros meios, que não seja a propaganda eleitoral gratuita o caráter de quem está se candidatando nessas eleições. E em se tratando de políticos desse nível muito me admira a justiça tomando uma rápida providência para impedir a publicação desses videos. Parabéns Brasil!!
 
Carla Cristina Soares Silva em 26/09/2012 04:46:47
Esse TRE/MS não tem o que fazer! Quem é Campo Grande para o Google? Ninguém! Talvez é só para ficar conhecida internacionalmente.
 
Rafael Franke em 26/09/2012 04:28:19
Imagina se ganha a eleição, ninguém vai poder falar nada contra a administração dele que vai mandar prender.
Que bom que já conhecemos o seu estilo de governo.
 
Pedro Alcantara Machado em 26/09/2012 04:22:38
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions