A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

03/02/2014 09:21

Público lota Câmara para acompanhar abertura dos trabalhos do legislativo

Francisco Júnior e Kleber Clajus
Público chegou logo cedo. (Foto: Cleber Gellio)Público chegou logo cedo. (Foto: Cleber Gellio)

Cerca de 200 pessoas lotam o plenário da Câmara de Campo Grande para abertura dos trabalhos deste ano do legislativo. Assessoria de imprensa da Prefeitura confirmou a presença do prefeito Alcides Bernal (PP) juntamente com todo o secretariado.

Um dos primeiro a chegar foi o secretário de Governo e Relações Institucionais, Pedro Chaves (PSC). De acordo com ele, uma das principais medidas da administração este ano é possibilitar uma maior interlocução entre executivo e legislativo. “De certa forma houve exagero do legislativo, mas também reconheço que faltou maior interlocução entre ambas as parte entorno de um objetivo comum que é Campo Grande”, afirmou.

O presidente da Câmara Mário Cesar (PMDB) espera que em 2014 o encaminhamento dos trabalhos seja mais tranquilo. “Vamos continuar tocando no que tange a representatividade. O que interessa na verdade é que o discurso do prefeito esteja atrelado às ações práticas”, destacou.

Ele espera ainda que este ano a comunicação entre executivo e legislativo seja diferente. “Esperamos falar a mesma língua para o bem comum. Não vamos nos preocupar no que o prefeito está pensando, mas o que Campo Grande quer que nós façamos”, acrescentou.

Para o líder da oposição, vereador Airton Saraiva (DEM), o prefeito tem que colocar em prática o que diz. Segundo ele, no ano passado a Câmara retribuiu o tratamento que recebeu do executivo. “Precisamos virar essa página”.

Já o líder do governo, Marcos Alex (PT), considerou um exagero algumas ações da Câmara no ano passado e afirma que muita coisa poderia ter sido evitada. O parlamentar ressalta que a crise não pode ser permanente e que é preciso uma postura de diálogo. No plano político, ele espera que haja menos radicalização “porque a sociedade rejeita esse tipo de comportamento”.



É uma vergonha esse tempo todo em ferias. Só não foi maior porque alguns tentaram cassar o Bernal e foram incompetentes.
 
João Pedro em 03/02/2014 10:21:53
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions