A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

11/03/2014 11:11

Simone diz que investigação contra Bernal é "processo legítimo"

Luciana Brazil e Graziela Rezende

A um dia da sessão de julgamento do prefeito Alcides Bernal (PP), marcada para amanhã (12), a vice-governadora Simone Tebet (PMDB) declarou que a apuração das possíveis irregularidades feita pela Câmara Municipal de Vereadores faz parte de um “processo legítimo” da democracia.

Durante comemoração dos 30 anos da Acadepol (Academia de Polícia Delegado Júlio César da Fonte Nogueira), Simone afirmou que a Câmara tem a competência necessária para investigar o prefeito.

“Vejo como um processo legítimo a Câmara apurar as possíveis irregularidades. Não podemos tolir o Legislativo. Há uma pluralidade de interesses e vontades, homens e mulheres de varais classes que votaram naquelas lideranças. É o governo mais plural e democrático, onde todos os segmentos estão representados. Em uma democracia, essa Casa precisa ter o direito, dentro das legalidades, de apurar os fatos”, disse a vice-governadora sobre os vereadores.

Apesar de acompanhar as denúncias contra Bernal, a vice-governadora disse não ter conhecimento sobre o processo e prefere não emitir comentários.

“Seria leviano da minha parte fazer algum comentário sem conhecer o processo. A Câmara tem competência e assessores jurídicos à altura para analisar e julgar dentro da lei, fazendo a vontade do povo”.

Bernal será julgado, com base no reletório da Comissão Processante, que apontou improbidades administrativas resultante de contratações emergenciais. Ontem (10), o prefeito foi intimado a comparecer ao julgamento da Câmara de vereadores que acontece na quarta-feira (12), às 14 horas. Ele se recusou a assinar o documento.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions