A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

28/01/2014 19:49

Sobre “centralização” de Bernal, Alex do PT diz: “Cada dia com sua agonia”

Josemil Arruda
Alex revelou que Jamal quer ser mesmo secretário de Saúde (Foto: arquivo)Alex revelou que Jamal quer ser mesmo "secretário de Saúde" (Foto: arquivo)

O líder do prefeito na Câmara, vereador Marcos Alex (PT), sabe que há queixas dos recém-integrados à base de apoio quanto à excessiva “centralização” do prefeito Alcides Bernal (PP), mas deixou claro que esse é um assunto para depois. “A cada dia com sua agonia”, afirmou Alex, ao ser questionado sobre as ações a serem realizadas diante da reclamação de vereadores que fizeram indicações para a Agência Municipal de Trânsito (Agetran), Agência Municipal de Habitação (EMHA) e Instituto Municipal de Previdência de Campo Grande (IMPCG).

“Estamos fazendo a primeira fase. É importante termos o PTB na Agetran, o PDT na Emha e o Jamal no IMPCG”, destacou Marcos Alex, mais conhecido como Alex do PT. Para ele, as queixas e buscas de ajustes devem ser encaradas com naturalidade. “Isso é um processo natural”, afirmou o petista.

Na Agetran, a queixa seria até mesmo de dificuldade de audiência com o prefeito. O novo chefe da agência, Jean Saliba, indicado por Edson Shimabukuru, estaria há mais de 20 dias tentando falar com Bernal, sem sucesso. Além disso, seis nomes de técnicos indicados pelo PTB ainda estariam aguardando nomeação.

Quanto à Secretaria Municipal de Saúde, o vereador Jamal Salém teria reivindicado a pasta. “Ele pleiteia. Quer ser secretario de Saúde e para nós é motivo de honra ter um vereador na área da saúde. Tem voto popular. Querer ser secretário é motivo de orgulho e só fortalece o nosso governo.. mas creio que não está condicionado o apoio dele ao Bernal a ser secretário”, informou Alex do PT.

Indagado se Bernal estaria disposto a promover a mudança na saúde, Alex do PT respondeu: “Não conversamos com prefeito sobre isso. O vereador diz que o secretário abriu muito conflito, que faltou habilidade, essa é a critica que ele faz”.

O secretário de Governo, Pedro Chaves, chegou a declarar que as secretarias municipais de Saúde e de Educação são da “cota pessoal” do prefeito Alcides Bernal. O líder Marcos Alex, porém, não vê dessa forma. “Eu nunca ouvi o prefeito dizer que essas secretarias seriam de sua cota pessoal”, disse o petista, lembrando que a Secretaria de Educação chegou a ser oferecida para a vereadora Rose Modesto, com aval do prefeito.

 

 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions